Média de idade baixa. Cerca de 75% dos jogadores vindos do exterior. Essa é a nova Seleção Brasileira que a partir de hoje inicia mais um ciclo de Copa do Mundo. Nomes como Alex Telles, Renan Lodi, Bruno Guimarães mostram que a mudança está chegando.

A maior experiência, ou idade, está na zaga, que parece estar indo para seu último ciclo.

Nunca ficamos fora de uma Copa e acredito que não será desta vez que ficaremos. Os convocados têm qualidade de sobra, afinal, não estariam sendo cobiçados por grandes clubes se fossem uns cabeças de bagre.

Resta saber se a combinação que estará em campo terá a produção esperada pela torcida e por quem escala.

Até prefiro que Neymar não jogue. Ele é a única dúvida por conta de dores nas costas. Parece que as coisas fluem melhor quando o time não sente a necessidade de fazer a bola passar por ele. Sem contar que Everton Ribeiro vem arrebentando no Flamengo e pode ser uma ótima opção na criação.

É hora de mudar. Hora de dar chance para os jogadores que ainda buscam um espaço de reconhecimento.

Tite tem falado muito em estudo, em evolução, e convocado os técnicos brasileiros para a parte científica do futebol, algo que ainda nos deixa distantes dos técnicos europeus e, talvez, seja a justificativa dos quase 20 anos sem título em copas, seja do Brasil, seja das seleções sul-americanas.

 

Última hora

A Bolívia está treinando no CT do Palmeiras. Curiosamente, quatro jogadores foram “deixados” em casa pensando na segunda partida das eliminatórias. Acontece que, ontem, o técnico César FArías, que é venezuelano, lembrou que precisava reforçar o meio campo e mandou chamar Boris Céspedes, que atua no Servette. O jogador desembarcou em São Paulo e tem chances de ser titular hoje.

 

Portimão

Enquanto os marmanjos jogam pelas eliminatórias, as meninas do Brasil foram convocadas pela técnica Pia Sunthage para um período de treinos em Portimão, Portugal, de 19 a 27 de outubro, visando à preparação para os Jogos Olímpicos de Tóquio. Marta está de volta. E também muitas novas atletas que atuam na Europa, na China e nos Estados Unidos.

 

Batalha

Com os jogos das oitavas da Copa do Brasil acontecendo até no domingo, a batalha da audiência na TV também promete ser intensa. A aposta na guerra é com os times de maior torcida, casos de Corinthians e Flamengo, que devem ter todos os jogos transmitidos pela galera do plim-plim. Enquanto isso, o SBT espera o retorno da Libertadores para tentar marcar seus pontos com todos os times brasileiros que estão avançando.

 

Vôlei

O Campeonato Paranaense Feminino começa hoje, com destaque para Amavolei x Marechal, em Maringá. O campeonato deve durar um mês, com os times divididos em chaves e semifinais em jogos únicos. No Grupo A, estão Foz do Iguaçu, Cascavel e Santa Helena, enquanto no Grupo B, além de Marechal e Maringá, está a seleção de Toledo.