Coluna ADI do dia 11 de outubro de 2019

Fórum ambiental

O ex-prefeito de Maringá Silvio Barros (PP) é o principal palestrante do 1º Fórum dos Conselhos Municipais do Meio Ambiente que será realizado em Londrina segunda-feira (14). Silvio Barros vai falar sobre os “Desafios da sustentabilidade na Agenda 2030 da ONU e o papel dos conselhos de meio ambiente”. O fórum terá dois talk shows com os cases de sucesso dos conselhos de Guarapuava, Ponta Grossa, Maringá, Apucarana, Foz do Iguaçu e Paranaguá.

100% Bolsonaro

O deputado Filipe Barros (PSL) acredita que não vai perder o cargo de vice-líder do partido nem como membro da Comissão de Legislação Participativa na Câmara dos Deputados, conforme aventada pela direção nacional da sigla. “Sou 100% Bolsonaro”, avisa Filipe Barros, que seguirá o presidente para qual partido escolher.

Saída honrosa

Os procuradores da Lava Jato já discutem uma “saída honrosa” para Deltan Dallagnol, principal coordenador da Operação em Curitiba. A proposta que ganha corpo é promovê-lo a procurador regional para atuar na segunda instância do MPF. Agora só falta combinar com Dallagnol que precisa se candidatar à vaga.

Desafios

O secretário Sandro Alex (Infraestrutura e Logística) disse que um dos maiores desafios do Paraná está na infraestrutura. E, no caso do Norte Pioneiro, especialmente na PR-092. “Queremos ser o governo que conseguiu equacionar o problema da PR-092”, disse. A rodovia é uma das vias prioritárias contempladas no banco de projetos do Estado. “O governador (Ratinho Junior) quer trazer mais indústrias para o Norte Pioneiro, porque onde tem indústria o IDH sobe, mas para isso é preciso investir em infraestrutura”, reforçou.

Hospital regional

O prefeito Claudemir Romero Bongiorno (MDB) apresentou o projeto arquitetônico do Hospital Regional de Cianorte que será construído a partir de 2020. O hospital terá 12,5 mil metros quadrados de área, 242 leitos, custará R$ 53 milhões e entrega está prevista para 2022.

Licença-prêmio

Ficou para terça-feira (15), na CCJ, a discussão das 32 emendas apresentadas ao projeto de lei que trata do fim das licenças especiais dos servidores públicos estaduais. No primeiro turno, o projeto foi aprovado por 39 a 12. A proposta do Governo do Estado prevê que, a partir de agora, a conversão da licença-prêmio para uma licença-capacitação.

***Marchese em Maringá

O deputado Homero Marchese (Pros) adiantou que estará mais presente em Maringá, onde é pre-candidato a prefeito. Marchese já estuda nomes que podem compor sua chapa na vice e para vereadores. Além do Pros, o deputado já assediado por alguns partidos.

Na Finlândia

Três ativistas paraguaios que estavam no Uruguai depois de perderem status de refugiados no Brasil já estão na Finlândia. “O Brasil não será mais refúgio para estrangeiros acusados ou condenados por crimes comuns (no caso, extorsão mediante sequestro). A nova postura é de cooperação internacional e respeito a tratados. Aqui não é terra sem lei”, disse o ministro Sergio Moro (Justiça e Segurança) após a expulsão dos paraguaios.

 



Fale com a Redação

2 + 6 =