A chuva chamou atenção nos últimos dias no Rio Grande do Sul. Além do alto volume de chuva, a granizada também assustou muitos moradores ao longo do feriado prolongado. A tendência para esta quarta é que uma nova frente fria se forme associada a um ciclone, por isso a chuva vai aumentar também nas demais áreas da Região.

Chuva se espalha sobre o Sul do Brasil

Nesta quarta-feira (8) de setembro, a chuva ainda persiste sobre o Rio Grande do Sul e há condições para temporais, principalmente no período da manhã, a partir da tarde os volumes de chuva já ficam mais baixos, com o enfraquecimento da chuva. Mesmo assim, hoje ainda vai ser bem úmido, com predomínio de céu nublado e com temperaturas baixas.

download (5)

O destaque agora é o aumento da chuva em Santa Catarina e no Paraná. A quarta-feira já começou com temporais em áreas do sul e oeste de Santa Catarina e também nas áreas próximas de Foz do Iguaçu, no Paraná. Ao longo do dia a chuva tende a se espalhar mais e com grandes volumes. Há risco de temporais em ambos estados.

Atenção com as rajadas de vento que serão bastante intensas no decorrer do dia. Em geral, as rajadas ficam entre 50 e 80km, mas no litoral gaúcho as rajadas podem chegar aos 100km/h.

Só não deve chover no norte do Paraná, mas as demais áreas já podem ter pancadas de chuva. Curitiba ainda esquenta nesta quarta, mas as nuvens aumentam e chove no fim do dia. Na quinta o dia já será bem mais instável e com temperaturas baixas.

Ar frio de origem polar aumenta chance de geada

A chuva perde força no fim da semana e o ar seco de origem polar entra sobre a Região Sul do Brasil, provocando queda de temperatura. As madrugadas de sexta e sábado serão geladas e com possibilidade de geada nas áreas de serra do Rio Grande do Sul e de Santa Catarina e no Planalto Catarinense.

 

-su_geada03-su_geada04

Fonte: Climatempo