10 de Janeiro: primeiro eclipse lunar da década traz a conclusão e os novos começos

Os eclipses sejam lunares ou solares, parciais ou totais, sempre falam sobre mudança, transformação e crescimento.  Eles nos forçam a confrontar nossas próprias sombras revelando lados sobre o caminho de cura e evolução.

O primeiro eclipse lunar da década será nesta sexta-feira (10) e poderá ser visto em alguns lugares da Europa, África, Ásia e Austrália a partir das 17h07 (horário de Brasília).

Os eclipses sejam lunares ou solares, parciais ou totais, sempre falam sobre mudança, transformação e crescimento.  Eles nos forçam a confrontar nossas próprias sombras revelando lados sobre o caminho de cura e evolução.

Os eclipses lunares de 2020 trarão à tona aspectos emocionais e conclusões, que na verdade serão oportunidades de construir novos começos.  É por isso que os relacionamentos familiares e entre casais tendem a extremos, da paixão ao ódio, por exemplo. Neste período recomenda-se a reflexão e conscientização sobre tudo que está acontecendo, para que estas sejam também oportunidades de aprendizado.

Durantes os eclipses lunares de 2020, de uma forma geral, também será comum ver alterações de padrões de comportamento ou humor. São momentos em que em que nossas emoções e sentimentos podem transbordar a pontos de serem claramente percebidos por outras pessoas.

O ano de 2020 contará com quatro eclipses lunares penumbrais que acontecerão nos seguintes dias: 10 de janeiro, 5 de junho, 5 de julho e 30 de novembro. Eclipse Lunar penumbral é quando a lua é encoberta pela sombra da Terra, mas com uma sombra fraca e quase imperceptível.

A energia dos eclipses lunares de 2020 prevalecem por cerca de uma semana antes ou uma semana depois do eclipse acontecer. Em casos de eclipses mais fortes, a influência destes eventos pode ser muito mais longa, durante meses ou até mesmo anos.

Também recomenda-se que nenhum novo projeto seja iniciado 3 dias antes ou 3 dias depois de um eclipse, já que estes são períodos de certa desordem e instabilidade energética.

Mesmo que um eclipse não seja visível na nossa localização, ainda somos afetados por sua energia, independentemente de onde estamos no planeta. Onde quer que você esteja apenas observe os eclipses usando óculos especiais aprovados.

Um eclipse lunar é uma lunação especialmente potente, neste caso, uma poderosa Lua Cheia. Isso significa que este fenômeno marca situações culminantes e momentos de conclusões, que na maioria das vezes são oportunidades de novos começos.

O efeito dura até o próximo eclipse lunar: as decisões que tomamos, as coisas que deixamos de lado e que terminamos durante as duas semanas entre a Lua Cheia e a próxima Lua Nova são de grande importância para o seu futuro. É um excelente momento para abandonar um hábito antigo, como fumar, por exemplo.

Os eclipses lunares são orientados para relacionamentos: a “crise” que esses eclipses tendem a causar é uma crise de ausência, um momento em que de repente percebemos uma grande necessidade ou urgência. O impacto dessa crise pode servir tanto para o término de um relacionamento como levar duas pessoas a uma consciência súbita da grande necessidade uma da outra.

O primeiro eclipse lunar de 2020 trará também um fenômeno conhecido como o “Eclipse Lunar de Cocriação” que tende a ajudar na realização de pedidos e materialização dos desejos. Por se tratar de um momento de forte energia no ano, o ideal é focar em pensamentos construtivos, mentalizando coisas boas para a sua vida e também das pessoas que vivem ao seu redor.

A Cocriação é baseada na lei da atração que diz que todo o universo está conectado, e por isso, todos compartilhamos da mesma energia. Portanto, reserve um tempo para se conectar com essa energia e cocriar seus desejos.

Fonte: Astrocentro



Fale com a Redação

11 − 5 =