Vencido o prazo legal para que proprietários de veículos removidos ao pátio por descumprimento às normas estabelecidas pelo Código de Trânsito Brasileiro ou à legislação municipal regularizem pendências, a Transitar segue os trâmites legais com abertura do segundo leilão deste ano, visando dar a devida destinação a 120 veículos que ainda estão em estado de conservação, bem como 123 lotes de sucatas e ainda 83 veículos sucatas ferrosas.

A comercialização de 66 motocicletas, 49 automóveis, quatro caminhonetes e um caminhão em estado de conservação e mais 40 motocicletas e 83 automóveis considerados sucatas está marcada para o dia 3 de agosto, apenas de forma eletrônica, pelo site da BBM (Bolsa Brasileira de Mercadorias), com lances iniciais que variam de R$ 200,00 a R$ 32 mil. O edital de leilão e demais informações serão disponibilizados para acesso aos interessados na página eletrônica da Autarquia, no endereço www.transitarcascavel.com.br e no Portal do Cidadão do Município de Cascavel (https://cascavel.atende.net).

Este é o primeiro leilão da Transitar realizado por leiloeiro administrativo, ou seja, um servidor designado pela administração para abrir e conduzir o leilão no site da BBM, o que trará uma vantagem para o arrematante, considerando que não haverá pagamento de percentual para leiloeiro oficial, conforme explica a presidente da Transitar, Simoni Soares. “Diferentemente das edições anteriores, este leilão será realizado pelo Órgão de Trânsito, considerando que neste período a Transitar está responsável pelo trâmite. As receitas serão revertidas para investimentos no trânsito da cidade”, ressalta Simoni.

Lotes

O presidente da Comissão de Leilão, Alex Sandro Vitório, explica que 120 lotes foram avaliados como “conservados”, ou seja, que poderão voltar à Transitar após a transferência de propriedade e regularização de equipamentos obrigatórios e componentes, tendo direito à documentação. Também foram avaliados 123 veículos como sucatas, os quais poderão ser adquiridos por pessoas jurídicas, empresários que comprovem atividades no ramo de venda de peças e desmontagem de veículos, sendo vedada a circulação. No caso das sucatas inservíveis, cuja autenticidade de identificação ou legitimidade da propriedade não restou demonstrada, correspondem a 83 veículos que poderão ser transformados em aproximadamente 40 toneladas de material ferroso.

“Esses lotes de sucatas aproveitáveis podem ser adquiridos exclusivamente por empresas que comprovem ser do ramo de comercialização de peças em desmonte de veículos, devidamente cadastradas perante os órgãos executivos de trânsito (Detran) ou, no caso das sucatas inservíveis, por empresas do ramo siderúrgico”, esclarece Vitório.

De acordo com ele, essas sucatas de veículos são divididas em aproveitáveis (as que podem ser reaproveitadas em outro veículo, com inutilização de placas e chassi) e sucatas aproveitáveis com motor inservível (cujas peças podem ser reaproveitadas em outro veículo, com exceção da parte do motor que conste numeração, devendo ser inutilizadas as placas e chassi) e as sucatas inservíveis, que são transformadas em fardos metálicos, por processo de prensagem ou trituração.

Segundo Simoni, a operação Pátio Limpo realizada no início deste mês pela Polícia Rodoviária Federal, trouxe ainda mais segurança para a realização do leilão, sabendo-se que os veículos a serem comercializados passaram por uma inspeção minuciosa para identificação de possível furto ou roubo.

Confira os detalhes do leilão

O leilão eletrônico, do tipo maior lance, será aberto às 9 horas do dia 3 de agosto, pelo leiloeiro administrativo da Transitar no site da BBM (https://www.bbmnetlicitacoes.com.br). Os licitantes, previamente credenciados diretamente no site da BBM https://www.bbmnetlicitacoes.com.br/credenciamento-de-licitantes), conforme as orientações do edital, darão lances exclusivamente no ato da sessão. O edital traz todas as regras, anexos, fotos dos lotes e demais orientações e estará disponível no site da Transitar.

 Visitação

Interessados em adquirir lotes podem conferir os mesmos, pessoalmente, nos dias 30 de julho e 2 de agosto, no horário das 8h30 às 11h30 e das 13 horas às 17 horas, no Pátio de Veículos localizado à Rua da Lapa, nº 1.509, Bairro Ciro Nardi.

“É importante que os participantes leiam atentamente as regras do edital”, explica Vitório. Ele lembra que, embora os veículos sejam entregues desembaraçados de ônus, a Transitar solicita a baixa aos órgãos responsáveis logo após o leilão, e depende destes para a devida desvinculação de débitos (IPVA, licenciamento, multas, gravames e demais restrições). “Por esse motivo o comprador não sai com o veículo na hora”, esclarece Vitório.