A apreensão foi feita por servidores da Receita Federal durante abordagens a três ônibus de turismo que transportavam mercadorias irregulares.

Dois destes veículos, que tinham como destino o estado de São Paulo, tiveram suas abordagens realizadas no posto da Polícia Rodoviária Federal, em Santa Terezinha de Itaipu, durante uma operação conjunta com a Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT). A terceira abordagem foi realizada na cidade de Foz do Iguaçu, em um posto de combustíveis na Vila Miranda, onde o ônibus, com destino ao estado do Rio Grande do Sul, tentou se esconder da fiscalização.

Em dois dos veículos, foram encontrados diversos vinhos importados, que não possuíam notas fiscais ou quaisquer outros documentos que comprovassem a regularidade de importação dos produtos. As mercadorias presentes em tais veículos possuem o valor total estimado de R$ 115 mil. Já no terceiro ônibus, foram encontrados eletrônicos, brinquedos, entre outras mercadorias diversas que também estavam em situação irregular e totalizavam o valor aproximado de R$ 285 mil.

As mercadorias irregulares, assim como os veículos que as transportavam, foram retidos e encaminhados à sede da Receita Federal em Foz do Iguaçu. Durante as operações, ninguém foi preso, mas serão enviadas representações fiscais ao Ministério Público para a apuração de ilícitos.

A Receita Federal disponibiliza telefones de contato para denúncias, de forma anônima, por meio dos números (45) 9 9152-2036 e (45) 9 9134-0100.

Essa iniciativa está inserida no âmbito do Programa de Proteção Integrada de Fronteiras (PPIF), instituído pelo Decreto nº 8.903/2016, tem como diretrizes a atuação integrada e coordenada dos órgãos de segurança e de fiscalizações atuantes nas fronteiras, e como foco, o fortalecimento da prevenção, do controle, da fiscalização e da repressão aos delitos transfronteiriços, como contrabando, descaminho, tráfico de drogas, armas e medicamentos, entre outros.

(Reprodução Receita/PretonoBranco)