Queda de aeronave será investigada

A investigação tem o objetivo de prevenir que novos acidentes   Leia Mais

A queda da aeronave de modelo Vans Aicraft RV-10 em meio a uma plantação de milho na região do Bairro Parque Verde, em Cascavel, sábado à tarde, será investigada pelo Seripa V (Quinto Serviço Regional de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos), órgão regional do Cenipa (Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos).

Investigadores do Serviço virão a Cascavel para iniciar o processo de investigação e coletar dados: fotografar cenas, retirar partes da aeronave para análise, reunir documentos e ouvir relatos de pessoas que possam ter observado a sequência de eventos.

A investigação tem o objetivo de prevenir que novos acidentes com as mesmas características ocorram.

De acordo com a Anac (Agência Nacional de Aviação Civil), a aeronave é de caráter experimental e amadora – que não é submetida a uma longa campanha de testes -, diferentemente de um avião com certificado de aeronavegabilidade convencional. Por isso, são restringidas a voar sob áreas pouco povoadas e em áreas completamente isoladas. O transporte de pessoas e bens com fins lucrativos é proibido. Por se tratar de aeronave experimental, a investigação não cabe à Anac.

Os pedaços do avião foram retirados do local ainda no sábado, mesmo sem perícia.

A queda

O acidente aconteceu no fim da tarde de sábado (8), nas proximidades do Aeroleve, onde a aeronave pretendia pousar. Os quatro ocupantes vinham de Valinhos (SP), quando a aeronave perdeu a sustentação, o piloto tentou arremeter, mas não conseguiu e o avião caiu de bico em meio à plantação.

Ninguém se feriu.



Fale com a Redação

17 + um =