Publicidade

COTIDIANO

Na Acic, Prefeito Paranhos faz balanço das ações dos “2.524 dias de governo”

02 de dezembro de 2023 às 09:05
Publicidade

O prefeito de Cascavel, Leonaldo Paranhos, esteve na Acic (Associação Comercial e Industrial de Cascavel) nesta semana para fazer um balanço da sua gestão dele frente à Prefeitura de Cascavel.  Com o tema “2.524 dias de desafios e realizações”, Paranhos detalhou as ações desenvolvidas nos últimos sete anos de mandato. Paranhos disse que os mandatos de quatro em quatro anos são passageiros e não podem ser colocados como plano de governo do prefeito, mas da cidade.  Ele voltou a destacar a maturidade da cidade que, “com união”, tem buscado e atraído investimentos e desenvolvimentos.

O prefeito destacou que o planejamento deve ser o alicerce de uma administração e também fez questão de destacar a equipe de secretários que auxilia na gestão: “Preciso agradecer a esse time que me ajuda demais. Nós não temos um time de estrelas na Prefeitura. Nosso secretariado é muito simples; mas esse povo trabalha”.

Siro Canabarro, presidente da da Acic, disse que esses 2.524 dias foram de muito trabalho e investimentos na cidade. “Isso muito nos orgulha. Nós, como cidadãos, como cascavelenses, também como empresários, temos nossas empresas, nossas famílias e a gente quer cada dia mais uma cidade melhor. E a gente vê a administração pública de Cascavel conduzido para isso”, disse.

 

Várias frentes

No setor de saúde o destaque foi a construção de 20 novas unidades e revitalização de outras 19. O Município comprou, reformou e equipou o Hospital de Retaguarda (antigo Hospital Santa Catarina), que foi fundamental durante o período crítico da pandemia. A construção do novo laboratório central, do prédio da Cafi e a implantação da Clínica-Escola do Aspectro Autista também foram destaque na apresentação.

Para o setor esportivo, o destaque ficou para o chamamento público que está investindo em 27 modalidades do esporte e 14 do paradesporto e revelando atletas campeões. Nesses 2.524 dias, a Prefeitura inaugurou o Centro de Treinamento de Bolão e Bocha, entregou a reforma do Ginásio da Neva, do Autódromo, que ganhou nova cobertura e uma pista nos padrões internacionais, além da revitalização do Complexo Ciro Nardi.

No setor cultural, Cascavel se tornou a única cidade fora de Curitiba a ter uma extensão do Museu Oscar Niemeyer. Também houve a revitalização do Museu de Arte e Centro Cultural Gilberto Mayer e implantação do City Tour Museus, editais das leis Aldir Blanc e Paulo Gustavo e credenciamento de artistas locais, além da realização de festivas de teatro, música e dança.

Na Assistência Social, a construção de três novos Cras (Centro de Referência de Assistência Social); três novos CCIs (Centro de Convivência Intergeracional), construção dos restaurantes populares do Cascavel Velho e Santa Cruz, com refeição a R$ 1,00; implantação dos programas Felicidade do Idoso, Cascavel Caridoso, Promover e adesão ao Programa da Primeira Infância, do Unicef.

 

Educação e Meio ambiente

O Programa Escola Feliz construiu 18 novas unidades escolares e revitalizou outras 71. O primeiro Cmei (Centro Municipal de Educação Infantil) do interior foi construído no distrito de Rio do Salto.  As matrículas no ensino integral cresceram 800%. Ao ano, são servidas cerca de 15,8 milhões de refeições nas escolas e Cmeis.

Construção de cinco ecopontos, parques ambientais do Santa Cruz e Morumbi, Praça Inclusiva, implantação da política do bem-estar animal com a criação do Samucão, Castramóvel e parcerias com clínicas veterinárias credenciadas, além da ampliação da usina de biogás, foram ressaltadas por Paranhos, junto com a revitalização do Zoológico Municipal que também passou a contar com novo e amplo recinto de aves.

Já o interior ganhou 447 km de pavimentação de estrada rural, além de 800 km de conservação e manutenção. Além disso, foram implantados 16 poços artesianos em comunidades rurais.

 

Segurança e desenvolvimento

A implantação da Guarda Municipal, 29 novas viaturas, criação da Patrulha Rural, Patrulha Maria da Penha, Cicom (com 1.600 câmeras), além do esforço de trazer para Cascavel o Projeto Falcão, com policiamenteo aéreo.

Redução do tempo de abertura de empresas para 2h16; abertura de empresas nas avenidas reurbanizadas; implantação do Progeti, Techinovação e Radar da Inovação, além da construção (em andamento) da Estação da Inovação.

Foto: Secom

 

Infraestrutura, mobilidade e habitação

Cascavel revitalizou 25 avenidas nos bairros e parcerias garantiram a implantação das alças de acesso do viaduto Olindo Periolo, novo Trevo Cataratas, duplicação da BR-277 e do Contorno Oeste. A construção do novo terminal de passageiros e outras melhorias levaram Cascavel a ganhar o título de melhor aeroporto regional do Brasil. Além disso, os 900 novos abrigos de ônibus trouxeram mais qualidade ao transporte coletivo.

As parcerias com o Estado garantiram 2.179 habitações que estão em construção. Outras 945 estão em processo de licitação e 1.624 imóveis foram regularizados.

 

 

Participe do nosso grupo no WhatsApp

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE