MISTÉRIO: Suposta vítima de suicídio sofria violência doméstica

O inquérito para apurar o caso já foi instaurado

Apesar de a morte de Amanda Cristina Almeida, 30 anos, ter sido suspeita de suicídio, o caso agora está sendo investigado pela Polícia Civil de Cascavel. Isso porque ela sofria violência doméstica, conforme pessoas próximas à família.

A mulher foi internada no último dia 10 de maio no HU (Hospital Universitário) após suposta tentativa de suicídio. A mãe dela já teria procurado a polícia afirmando que a filha poderia ter sido vítima de uma tentativa de homicídio por parte do marido, já que situações de violência dele contra ela eram comuns.

Ela morreu ontem e, de acordo com a Delegacia de Homicídios, o inquérito para apurar o caso já foi instaurado, mas o médico que avaliou as lesões pelo corpo descartou inicialmente o homicídio.

Agora a DH aguarda a necropsia para que um laudo definitivo seja apresentado. A DH afirma ainda que o suposto suicídio teria acontecido por enforcamento. O laudo da necropsia deve sair em dez dias.

 



Fale com a Redação

dois × dois =