Para aprimorar a atividade de profissionais da segurança pública que atuam com cães de faro nas fronteiras do Brasil, o Ministério da Justiça e Segurança Pública iniciou, nesta segunda-feira (18), o 2º curso de capacitação do tema, no município de Urutaí (GO). As aulas são voltadas para policiais do Programa Nacional de Segurança nas Fronteiras e Divisas (VIGIA), e vão até o dia 4 de novembro.

Serão capacitados policiais do VIGIA que atuam nos estados do Acre, Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul. O curso é uma parceria com o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Goiano (IFGO). No Paraná serão capacitados 11 policiais.

O local contempla um canil com área de vinte mil metros quadrados. Objetivo é utilizar as instalações para implementar um novo canil integrado com foco no manejo para aquisição, criação, reprodução e treinamento de cães de faro que atendam as demandas do VIGIA.

A ação com cães faz parte do projeto-piloto do VIGIA, lançado em janeiro de 2021. O objetivo é expandir essa capacitação para profissionais de todas as unidades do programa.