Cascavel – Em muitas das suas participações na Liga Futsal, o Cascavel jamais chegou entre os quatro melhores. Neste sábado, o time tenta escrever um novo capítulo na sua história enfrentando o Magnus, em Votorantim (SP), a partir das 13h30. Como o primeiro jogo terminou empatado por 3 a 3, o Magnus joga com a vantagem do empate no tempo normal e na prorrogação. Ao Cascavel, apenas vencer garante a vaga inédita.

O time está no interior paulista desde quinta-feira para evitar um maior desgaste com a viagem e poder realizar treinos no local da partida.

A boa notícia para o técnico Cassiano Klein é que todos os jogadores estão disponíveis. “Acredito que o jogo será decidido no detalhe. São duas equipes com características semelhantes, intensas e com proposta de buscar a bola. Procuramos melhorar alguns pontos em relação ao jogo anterior para chegar mais forte”, comentou o técnico Cassiano Klein.

Dono da melhor campanha na fase inicial da competição, o Magnus joga em casa querendo a vaga e a manutenção da invencibilidade na temporada 2020 da LNF. O técnico Ricardinho também conta com todos os jogadores para a partida de hoje.

Meninas jogam para definir vaga

Cascavel – As duas equipes cascavelenses que disputam o Estadual Feminino de Futsal jogam neste fim de semana para definirem a classificação para as semifinais. O Cascavel Futsal, que foi goleado pelo Unidep/Pato Branco na noite de quinta-feira, por 4 a 0, precisará de uma vitória sobre o Foz Cataratas neste sábado, a partir das 20h30, no Ginásio Costa Cavalcante.

No domingo, às 18h, será a vez do Stein Futsal encarar o Unidep/Pato na casa do adversário.

Em caso de vitórias cascavelenses, três equipes ficam empatadas com seis pontos, e a classificação será definida nos critérios de desempate.

Atualmente, o Unidep lidera o grupo com 6 pontos, seguido de Stein e Cascavel com 3; e o Foz ainda não somou pontos nesta fase.