Informe da redação: Márcio Nunes, Cidades digitais e empréstimo

Até tu, Nunes?

Quando usar máscara de pano

Quem tem que dar exemplo… Quem foi pego em uma fiscalização foi o secretário de Estado do Desenvolvimento Sustentável e do Turismo, Márcio Nunes, que estava em um evento fechado na sede do IAT (Instituto Água e Terra do Paraná), em Umuarama, na noite de quinta-feira (14). Após vizinhos denunciarem que acontecia um churrasco e aglomeração, equipes da Guarda Municipal, da Polícia Militar e da Vigilância Sanitária foram ao local e dispersaram a galera. À imprensa, Nunes disse que era uma reunião e que havia 11 pessoas, inclusive empresários e um prefeito da região. A prefeitura informou que os fiscais emitiram uma notificação, mas não informou em nome de quem.

 

Cidades Digitais

Na próxima terça-feira (19), a RCD (Rede Cidade Digital) promove, às 10h, o Webinar das Cidades Digitais do Oeste Paranaense, evento on-line para compartilhar as inovações em andamento nas prefeituras da região que visam minimizar os impactos negativos da covid-19. As inscrições podem ser feitas pelo https://redecidadedigital.com.br/.

 

Empréstimo

Enquanto alguns governadores digladiam com o presidente Jair Bolsonaro, o do Paraná, Ratinho Junior, mantém a política da boa vizinhança e esta semana se reuniu com ele e os ministros Braga Netto (Casa Civil) e Rogério Marinho (Desenvolvimento Regional), no Palácio do Planalto, em Brasília. A principal pauta encaminhada ao governo federal foi a liberação de aval para um empréstimo de R$ 1,6 bilhão para a realização de obras de infraestrutura e injeção de novos recursos no BRDE e na Fomento Paraná.

 

Reunião técnica

“Foi uma reunião muito técnica. O presidente nos recebeu e prontamente nos reunimos com o ministro Braga Netto para tratar do financiamento. Precisamos colocar dinheiro em obras e investimentos que vão ajudar na retomada econômica do Paraná, a garantir empregos”, disse Guto Silva, chefe da Casa Civil do Governo Ratinho.

 

 

Reforma tributária

Autor de uma das propostas de reforma tributária que tramitam no Congresso Nacional, o ex-deputado federal Luiz Carlos Hauly ministra palestra on-line sobre o assunto no dia 25 de maio, às 20h. O evento está sendo promovido pela JCI Cascavel. A transmissão será ao vivo pelo Youtube e, para participar, basta fazer a inscrição (acesse pelo QR code) para receber o link da transmissão.

 

Golpes e fakes

O Facebook informou que foram removidas cerca de 2,5 milhões de postagens de vendas irregulares de testes de covid-19, de máscaras cirúrgicas e de outros equipamentos de proteção, como álcool em gel, desde 1º de março. Além disso, centenas de milhares de mensagens contendo informação falsa sobre a pandemia foram derrubadas.

 

Sem prazo

O STF decidiu manter o prazo de filiação partidária para quem pretende disputar os cargos de prefeito, vice-prefeito ou vereador nas eleições de outubro. Os ministros rejeitaram pedido do PP para adiar uma das fases do calendário eleitoral devido à pandemia do coronavírus. O prazo terminou no dia 4 de abril, seis meses antes do primeiro turno. “Embora exista possibilidade real de adiamento das eleições, nada foi decidido ainda”, disse Luís Roberto Barroso, que assume a presidência do TSE dia 25 de maio.

 

 

Vaquinha liberada

Por falar em eleições… Os pré-candidatos das eleições municipais já podem arrecadar de recursos para a campanha por financiamento coletivo na internet. Os valores podem ser doados por apoiadores em portais aprovados pelo TSE. Os recursos arrecadados durante a pré-campanha só poderão ser disponibilizados após o registro da candidatura na Justiça Eleitoral. O político deve também obter o CNPJ da campanha e abrir uma conta bancária específica. Se desistir da candidatura, os portais que arrecadaram o dinheiro devem devolver os valores aos doadores.

Mosquito da dengue nas áreas externas


Fale com a Redação

14 + 1 =