201608161340429479_RTS.jpgAcabou o temor. A holandesa Marit Bouwmeester conquistou o ouro na classe Laser Radial nesta terça-feira e não pensou duas vezes na hora de comemorar: mergulhou na Baía de Guanabara sem medo de suas águas poluídas, que foram tão criticadas ao longo do ciclo olímpico. A irlandesa Annalise Murphy garantiu a prata e nadou junto.

O bronze ficou com a dinamarquesa Anne-Marie Rindom, mais contida, que permaneceu no barco. Não se sabe se foi a preocupação com a qualidade da água ou a decepção de perder a prata. Ela havia chegado à regata das medalhas em segundo lugar.

A velejador da Lituânia, Gintare Scheidt, mulher do brasileiro Robert Scheidt, terminou o campeonato na sétima posição. Ela não tinha mais chances de medalha na última prova.