A prefeitura e a Caixa Econômica Federal assinam nos próximos dias contrato de financiamento de R$ 60 milhões para execução de diversas obras de infraestrutura viária em Foz do Iguaçu. Na lista das novas obras está a conclusão (continuidade) das avenidas João Paulo II e Safira, além da revitalização das avenidas Costa e Silva e JK.

O novo pacote de obras será lançado ainda este mês pelo prefeito Chico Brasileiro. Os recursos da Caixa Econômica são do Programa Finisa (Financiamento à Infraestrutura e ao Saneamento) destinado à obras em edificações públicas, infraestrutura, habitação de interesse social, aquisição de imóveis, máquinas, veículos pesados, equipamentos e mobiliários e a elaboração de projetos técnicos.

As obras da Avenida João Paulo II, de 3,8 quilômetros, foram paralisadas em função de decisão judicial em 2015. A prefeitura retomou os trabalhos em 2019 com a construção de galerias pluviais e parte da pavimentação até a rua Jorge Samways. Agora, fará a ligação até a Avenida das Cataratas (altura do Hotel Bourbon), cruzando a avenida Felipe Wandscheer.

Porto Meira

A avenida Safira, no Porto Meira, vai ligar o Jardim Ouro Verde até o trevo do shopping Catuaí, na avenida das Cataratas. “Vamos criar um corredor na região até a avenida General Meira que será toda modernizada”, disse Brasileiro.

O pacote terá ainda obras como a construção de um centro esportivo na Cidade Nova Vila C e de unidades de saúde no Profilurb I e no Parque Presidente. Outras duas obras previstas são as revitalizações das avenidas JK (Juscelino Kubitschek) – no segundo trecho – e Costa e Silva, importantes corredores turísticos do Destino Iguaçu.

“A JK terá uma grande obra de ciclovias, pista de caminhada, iluminação e pavimentação”, informou Chico Brasileiro. Já a avenida Costa e Silva será revitalizada nos 5 quilômetros desde a entrada da cidade até o shopping JL. “Esta obra, inclusive, a licitação já foi lançada”, adiantou o prefeito.

“Teremos, com esses investimentos, quatro grandes corredores. A avenida João Paulo II passa a ser um corredor para quem chega na cidade. Começa na Rodoviária Internacional até a avenida das Cataratas. As avenidas Costa e Silva, JK e General Meira serão as quatro grandes obras principais”, disse.

Mobilidade urbana

Chico Brasileiro afirmou que ainda não fechou a lista de obras e os recursos podem viabilizar também a compra de equipamentos. “A maioria das obras está sendo viabilizada, conforme o planejamento e as demandas apontadas pela população. São obras importantes para a mobilidade urbana e ao plano de expansão e desenvolvimento de Foz do Iguaçu”, disse.

O prefeito lembra que durante a semana iniciaram as obras de revitalização da Olímpio Rafagnin (paralela a BR-277 na entrada de Foz do Iguaçu) e a prefeitura busca viabilizar junto ao Ministério de Desenvolvimento Regional recursos para obras de recapeamento asfáltico das avenidas Paraná e Cataratas.

“A prefeitura está estruturando a cidade e vamos caminhar juntos com essas obras da Itaipu e com os governos estadual e federal. Estamos preparando a cidade para dar um grande salto em todas as áreas, principalmente no turismo, no comércio, nas tecnologias”, disse Brasileiro.

O prefeito explica que as obras da Olimpio Rafagnin vão possibilitar uma ligação com a avenida Paulo Montanari, para tirar o fluxo do trânsito de dentro de Três Lagoas. “E de toda aquela região do Alto da Boa Vista do Sol de Maio, do Jardim Jaqueline, que hoje tem que passar por dentro de Três Lagoas”.

(ASSESSORIA)