Família identifica segunda vítima de feminicídio do ano

Outras seis tentativas foram registradas em 2019

A segunda vítima de feminicídio deste ano em Cascavel foi identificada no IML (Instituto Médico Legal) pelos familiares como Ivanete Nunes de Oliveira, de 48 anos.

Quando usar máscara de pano

De acordo com a Delegacia de Homicídios, Ivanete e o suspeito moravam na rua.

O crime

Ivanete morreu ainda na noite de domingo (7), após ser esfaqueada no rosto e pescoço. Apesar de ter sido socorrida e levada com vida até o hospital ela não resistiu aos ferimentos.

O suspeito do crime é um homem de 30 anos com que a vítima mantinha um relacionamento. Ele foi preso em flagrante em posse da arma do crime, um canivete. O homem nega a autoria e já respondeu pelo crime de homicídio qualificado em Ponta Grossa.

Ainda de acordo com a polícia civil a motivação do crime ainda não foi esclarecida, mas a vítima e o suspeito haviam passado o dia ingerindo bebidas alcoólicas.

Até o momento além dos dois feminicídios consumados, outras seis tentativas foram registradas em 2019.

Otica Central

Receba as principais notícias através do WhatsApp

ENTRAR NO GRUPO

Lembre-se: as regras de privacidade dos grupos são definidas pelo Whatsapp. Ao entrar seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.


Fale com a Redação