Mais dois trechos do projeto de Pavimentação e de melhoria de estradas rurais, vicinais e de ligação urbana/rural no Município de Cascavel – que foi viabilizado por meio de convênio firmado entre a Itaipu Binacional e o Município de Cascavel totalizando R$ 26 milhões. Agora, o Reassentamento São Francisco foi contemplado com adequações e implantação de calçamento poliédrico, totalizando quase 14 quilômetros de melhorias.

Duas empresas participaram do certame e, de acordo com o critério de julgamento de menor preço por lote, a Comissão classificou em primeiro lugar a proposta comercial da proponente Irmãos Pizato Ltda – ME, que concedeu desconto global de 0,13% sobre o valor máximo de R$ 2.958.236,50, finalizando em R$ 2.954.283,40.

Os dois lotes serão executados na Estrada do Reassentamento São Francisco. O lote 1 corresponde à execução de 45.766,00 m² de adequação e mais 39.228,00 m² de calçamento poliédrico, com valor final de R$ 1.465.819,60; já pelo lote 2 será executado um trecho de 46.473,00 m² de adequação e mais 39.834,00 m² de calçamento poliédrico, totalizando R$ 1.488.463,80.

43 trechos

De acordo com o secretário de Agricultura, Ney Haveroth, por esse convênio estão previstos 43 trechos de melhorias em todos os distritos. Treze já foram licitados, sendo que um deu deserto na última segunda-feira (24). Desses, cinco estão com obras em andamento.

Os demais 30 trechos estão com projetos prontos para encaminhamento da licitação nos próximos dias. No total, o convênio firmado com a Itaipu totaliza R$ 26.619.297,10 em investimentos – sendo R$ 14.038.358,98 da Itaipu e uma contrapartida de R$ 12.580.938,12 do Município.