ESPORTES

Esportes: Novos tempos para a torcida e sociedade

25 de maio de 2022 às 08:44
Publicidade

 

Cascavel – As transformações da sociedade também estão chegando às arquibancadas. Condições consideradas normais na década passada já não estão mais sendo aceitas e ganharam o reforço da CBF que enrijeceu a gravidade das punições sobre atos discriminatórios cometidos por atletas, dirigentes e, principalmente, torcedores.
Os gritos da arquibancada que afetem condições que configurem preconceito em razão de origem étnica, raça, sexo, cor, idade, condição de pessoa idosa ou portadora de deficiência poderão acarretar na perda de pontos. Ou seja, o torcedor pode marcar um belo gol contra o seu time.
Atualmente, os líderes da Série A e da Série B estão correndo o risco de perderem pontos por conta dos gritos de seus torcedores. O Cruzeiro já tem julgamento marcado para a próxima segunda-feira por conta dos gritos homofóbicos de seus torcedores na partida contra o Grêmio. Já o Corinthians deverá ser denunciado pelos gritos da Fiel na partida contra o São Paulo, no último domingo.
O Código Brasileiro de Justiça Desportiva trata do assunto no artigo 243-G, parágrafos 1º e 2º, e prevê como penas a perda de pontos, multas. Além dele, o Regulamento Geral de Competições da CBF trata como “extrema gravidade” esse tipo de ato e prevê perda de pontos, perda de mando de campo e exclusão de campeonato ou torneio.

 

Crédito: Arquivo

 

+++

 

Duelo paranaense na Série B

Cascavel – Londrina e Operário se enfrentam nesta quarta-feira, às 19h, no Estádio do Café, pela nona rodada da Série B. Enquanto os donos da casa tentam se equilibrar no campeonato, os visitantes querem ampliar a sequência positiva de quatro jogos sem derrota e brigar para terminar a rodada no G4.
A novidade no Tubarão será o volante Jhonny Lucas. O jogador volta após cumprir suspensão e também se recuperar de uma lesão sofrida na coxa – foram dois jogos fora. Ele ganha a vaga de Marcinho no meio-campo.

 

+++

 

Fortaleza decide vaga na Libertadores

Cascavel – Mais três times brasileiros entram em campo nesta quarta-feira pela última rodada da fase de grupos da Libertadores. Dos três, apenas o Fortaleza ainda depende do resultado para se classificar no grupo F, que tem o River Plate como primeiro colocado. O time brasileiro enfrenta o Colo-Colo, em Santiago, na briga pela segunda vaga, já que ambos somam sete pontos. O time cearense tem a vantagem de três gols de saldo e, por isso, joga pelo empate contra os chilenos.
No grupo D, a situação dos brasileiros já está definida. O Atlético Mineiro está invicto, com 11 pontos, e só precisa de um empate com o segundo colocado Tolima, em casa, para garantir a liderança. Já o América enfrenta o Independiente del Valle sem chances de avançar na competição. Porém, um resultado positivo pode garantir o time no mata-mata da Copa Sul-Americana.

+++

Ceará faz decisão na Argentina

Avellaneda – O torcedor do Ceará invadiu a Argentina para empurrar o time na partida decisiva desta quarta-feira contra o Independiente, em Avellaneda. O time brasileiro joga por um empate para garantir classificação para a próxima fase da Copa Sul-Americana. O lateral Vina ficou de fora do jogo contra o Santos no último sábado, mas acelera o processo de recuperação para participar da partida de hoje.
São Paulo – Já classificado, o tricolor encara o Ayacucho. Por isso, Rogério Ceni deve colocar um time alternativo em campo para poupar parte do elenco para a partida do final de semana pelo Campeonato Brasileiro.

 

 

CRÉDITO: Pedro Paulo Diaz

Faltou pouco
Corinthians e Cascavel Futsal fizeram o primeiro empate sem gols da competição na temporada 2022. Curiosamente, a partida teve várias oportunidades, inclusive em tiros livres diretos que encontraram a trave ou contaram com a má pontaria dos cobradores. O resultado de 0x0 deixou o Cascavel na quarta colocação quatro pontos atrás do líder Magnus. O próximo jogo da Serpente Tricolor será domingo, às 11 horas, contra o Minas Tênis, no Ginásio da Neva.

 

+++

 

Mundial de CS:GO será no Brasil

Rio de Janeiro – A ESL confirmou nesta terça-feira que o próximo campeonato mundial de Counter-Strike: Global Offensive (CS:GO) será finalmente realizado no Brasil. Depois do cancelamento do torneio anterior por conta da pandemia de Covid-19, o Intel Extreme Masters (IEM) Rio Major 2022 é oficialmente anunciado para acontecer de 31 de outubro a 13 de novembro, na cidade do Rio de Janeiro, reunindo 24 equipes internacionais em busca de parte da premiação de US$ 1 milhão (equivalentes a cerca de R$ 5 milhões) e do título mundial da modalidade no primeiro major na América do Sul. O Challengers Stage e o Legends Stage – nomes das duas primeiras fases do campeonato – serão realizados em um local sem presença de público. Já o Champions Stage, equivalente aos playoffs, ocorrerá na Jeunesse Arena, no Parque Olímpico, de 10 a 13 de novembro, com torcida presente. Os ingressos começarão a ser vendidos pela internet já nesta quarta-feira, 25 de maio, às 14 horas (no horário de Brasília).

 

 

Participe do nosso grupo no WhatsApp

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE