Estudantes do Colégio Estadual Wilson Joffre, em Cascavel, decidiram doar o cabelo para a confecção de perucas para mulheres com câncer.

Maria Anthonia Castro Rodrigues tem 13 anos e passou por um tratamento de câncer em 2012, quando perdeu todo o cabelo. Foi dali que nasceu a ideia de fazer algo para ajudar e motivar pessoas que passam por isso. Assim nasceu o projeto “Doar não dói”.

Hoje Maria estuda no 8º ano e juntou as coleguinhas para a ação: “É muito gratificante! A gente precisa pensar no próximo e ajudar. Comecei o projeto e incentivei as meninas da escola a doarem. Isso é muito bom e necessário”.

A coleguinha Fernanda de Souza, do 7º ano, abriu mão das madeixas: “Eu também quero ajudar as pessoas. Quando o grupo falou e eu vi as meninas doando, quis ajudar. No começo não queria, mas agora doei e espero fazer a diferença”, conta.

O projeto foi desenvolvido dentro do colégio: “Estamos com quatro cabeleireiros e eles não param um minuto. É muito gratificante ver esse empenho das alunas em prol de uma causa tão nobre”, disse a professora Luiza Elena Slongo, que coordenou os trabalhos.

Como as meninas são menores de idade, os pais deram autorização para o corte.

 

Amor em Fios

Os cabelos das adolescentes serão repassados para o projeto “Amor em Fios”, coordenado por Simone Braga Côrtes. “Já temos mais de 20 bancos de perucas no Estado. Nós levamos o cabelo, montamos as perucas e as entregamos”, conta.

Já para as crianças com câncer, a produção é diferente. “Com parcerias, muitas senhoras montam chapéus de tricô, toucas temáticas, como princesas e personagens de contos de fadas, tudo pensado de uma maneira especial para esse público”, cita Simone.

 

Doe você também!

A professora Luiza Elena diz que toda a comunidade pode levar ao Wilson Joffre as doações de cabelo e também de material para confecção dos acessórios infantis, como lãs especiais e lenços. “Quem tiver o desejo de doar, é só trazer aqui que nós vamos repassar. O importante é estar com o cabelo seco e limpo”. Detalhe: o cabelo precisa ter ao menos dez centímetros para poder ser aproveitado.

O colégio fica na Rua Rio Grande do Sul, 52, Centro de Cascavel. O telefone para contato é (45) 3225-3838.