Cascavel – O primeiro lote das vacinas pediátricas que foram compradas pelo Ministério da Saúde chega nesta quinta-feira (13) ao Brasil e, assim que chegarem, serão distribuídas aos estados, afirmou ontem (11) o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga. Ele já havia anunciado no começo da semana que o laboratório Pfizer tinha confirmado a antecipação de 600 mil das 4,3 milhões de doses compradas pelo ministério.

Queiroga disse que a intenção é agilizar a distribuição para os pais que desejam vacinar os seus filhos. Segundo o ministro, “com a capacidade do nosso sistema de saúde, em breve vamos liderar o ranking desse tipo de vacinação, como estamos liderando a vacina de forma geral”. O ministro reforçou que o uso da vacina CoronaVac para crianças e adolescentes com idade entre 3 e 17 anos, ainda depende da aprovação da vacina pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária).

Segundo o ministro, a agência já está analisando o pedido feito pelo Instituto Butantan, que é fabricante da CoronaVac no Brasil, e que todas as vacinas aprovadas pela Anvisa podem ser consideradas para o plano de vacinação nacional contra a Covid-19. Sobre a variante ômicron, o ministro novamente reiterou sua opinião de que o impacto da variante no sistema de saúde não seja relevante, devido a taxa de imunização.

 

TREINAMENTO NO PARANÁ

Os profissionais paranaenses envolvidos na vacinação contra a Covid-19 participam, desde a semana passada, de uma capacitação com as orientações para o procedimento de aplicação nas crianças de 5 a 11 de idade. Feita em três etapas e de forma online, a formação é promovida pelo Programa Nacional de Imunizações, em conjunto com os laboratórios Pfizer e BioNtech, e conta com a participação de profissionais da Secretaria de Estado da Saúde e dos municípios.

O treinamento teve início na sexta-feira (7) e será concluído hoje (12). No Paraná, a previsão é que 1.075.294 crianças de 5 a 11 anos sejam vacinadas. A aplicação se iniciará pelas crianças com comorbidades e deficiência permanente, seguidas de indígenas e quilombolas, as que vivem em lares com pessoas com alto risco para evolução grave de Covid-19 e, então, em ordem decrescente de idade: iniciando pelos 11 anos até chegar aos 5 anos.

 

CENÁRIO ETADUAL

O secretário de Saúde do Paraná, Beto Preto, convocou coletiva de imprensa para esta quarta-feira (12) quando se pronunciará sobre o atual cenário da pandemia de Covid 19, a evolução de casos nos últimos boletins e sobre casos da Influenza H3N2 confirmados no Estado. A transmissão da Influenza já foi considerada como transmissão comunitária.

 

 

Hospital Uopeccan cancela visitas

 

Devido ao aumento dos casos de Covid 19 e da Influenza H3N2, o Hospital do Câncer Uopeccan de Cascavel e Umuarama, suspendeu desde esta terça-feira (11) por tempo indeterminado as visitas presenciais e de acompanhantes nos setores de enfermaria e UTI, com exceções para crianças e idosos. Segundo o hospital, as medidas visam assegurar a segurança de pacientes, colaboradores e profissionais da saúde.

O hospital orientou ainda que pacientes oncológicos e os demais procurem o atendimento da instituição apenas em casos estritamente necessários ou agendados. Além disso, eles reforçam que todos continuem utilizando máscara, higienizem as mãos com água e sabão ou álcool e mantenham o distanciamento.

 

 

Confira o cronograma de vacinação em Cascavel

 

A Secretaria de Saúde de Cascavel estará antecipando a vacina de terceira dose ou dose reforço nesta quarta-feira (12). Todas as unidades de saúde, exceto as unidades do Santa Cruz, Floresta e Nova Cidade, que estão específicas para atendimentos de sintomas gripais, estarão imunizando aqueles que tomaram a segunda dose até o dia 12 de setembro ou doses anteriores. A segunda dose é para quem se imunizou até dia 22 de dezembro com a primeira ou em datas anteriores.

Até a próxima sexta-feira (14) tem ainda repescagem da segunda dose, de 18 anos ou mais. Na Unidade Básica de Saúde do Cancelli para pacientes que precisam tomar a Coronavac e na Unidade do São Cristóvão da Astrazeneca. Durante esta semana, a Secretaria de Saúde está divulga o cronograma diariamente.

A taxa de ocupação de leitos de UTI para pacientes com Covid 19, ontem (11) estava em 51,2%, um pouco acima da 10ª Regional de Saúde que estava em 47%.