Brasília – Uma pauta com as principais reivindicações e bandeiras do oeste do Paraná foi entregue, em Brasília, ao presidente da Câmara Federal, deputado Rodrigo Maia. A comitiva foi integrada pelos prefeitos de Cascavel, Leonaldo Paranhos, de Foz do Iguaçu, Chico Brasileiro, e de Toledo, Lúcio de Marchi, além de deputados e líderes dos mais diversos segmentos produtivos e representativos de uma das regiões que mais crescem e produzem no Brasil.

Maia recebeu das mãos do presidente do POD (Programa Oeste em Desenvolvimento), Danilo Vendruscolo, de Foz do Iguaçu, um documento com as pautas prioritárias do oeste.

É um conjunto de reivindicações apuradas em diversos encontros regionais, envolvendo os mais variados segmentos e seus respectivos líderes. Entre outras solicitações, o texto pede a colaboração de governos e órgãos federais e estaduais para tornar a região e o Paraná livres da febre aftosa sem vacinação, liberação de recursos a obras como Aeroporto Regional do Oeste e novo traçado ferroviário entre Mato Grosso do Sul e Paraná e investimentos em energias renováveis.

Reformas

Um dos aspectos mais decisivos da conversa com Rodrigo Maia foi ressaltar a urgência das reformas – principalmente previdenciária e tributária. Eles defendem que essas mudanças são imprescindíveis para que o Brasil saia da crise, fomente novos negócios e projetos e passe a gerar mais empregos. Na conversa, o presidente da Câmara Federal reconheceu a importância das reformas e se disse otimista de que elas ocorram ainda em 2018.

Outro ponto importante da mobilização que levou líderes nesta semana a Brasília, de acordo com Vendruscolo, é a união do oeste e a consolidação de um conjunto de reivindicações que refletem realmente as necessidades de toda a região. “O fortalecimento desse projeto é também resultado do amadurecimento do oeste e de seus representantes. E todos temos muito a ganhar com isso”, disse.

No dia 27 de julho, na Amop, em Cascavel, ocorrerá o lançamento oficial das pautas prioritárias do Programa Oeste em Desenvolvimento, movimento que é formado pelas principais forças organizadas de toda a região.