Pensando na segurança do pedestre no trânsito, a Cettrans (Companhia de Engenharia de Transporte e Trânsito) realizou nessa terça-feira(29) uma ação educativa focando nas botoeiras, as quais são utilizadas para proporcionar segurança e prolongar o tempo de travessia na faixa de pedestres para pessoas com mobilidade reduzida.

Durante a atividade, a equipe de educação de trânsito distribuiu material educativo e orientou os pedestres que transitavam no local.  "As pessoas precisam primeiramente conscientizar-se de que se faz necessário utilizar a faixa de pedestres para a travessia, após, estar atento à sinalização. Como exemplo da atividade de hoje, o pedestre deve respeitar a faixa e o semáforo a ele destinado, onde foi explicado que pode fazer uso da botoeira", explica Luciane de Moura, coordenadora de Educação de Trânsito.

Com esse sistema, "Smart City", as botoeiras proporcionam também um tempo de mais 50% para a travessia de pessoas com mobilidade reduzida (cadeirantes, idosos, grávidas e etc.) e também o sinal sonoro para deficientes visuais. "Por isso é de suma importância que as pessoas compreendam a utilização desta ferramenta aliada ao respeito aos demais usuários da via", complementa Luciane.

Ação Educativa: Motociclistas

Na quarta-feira (30) às 9h na Rua Paraná com a Rua Dom Pedro II, o foco da ação educativa será o motociclista, onde agentes de trânsito farão orientações sobre as normas de circulação e conduta no trânsito, focando na conscientização para a redução de acidentes.