Cascavel – O final de ano promete ser agitado para as equipes de Cascavel que disputam as principais competições do futsal. Depois do Cascavel Futsal chegar à final do Campeonato Paranaense, agora foi a vez do Stein Futsal garantir a sua classificação para a finalíssima do estadual feminino.

Na noite de quinta-feira, o time voltou a vencer o Londrina por 3 a 0, com gols de Jaquinha, Camila e Jaque Nunes. Com o resultado, o time assegurou a classificação para enfrentar o Lobazs/FAteb, de Telêmaco Borba na decisão, com a primeira partida acontecendo na casa das adversárias. “Muito feliz por esse momento. Trabalho muito duro que estamos fazendo e com um propósito. Sabemos que falta ainda subir alguns degraus, tanto no Paranaense quanto no NFFB. Temos que treinar ainda mais e nos preparar ainda mais para atingir nossos objetivos”, disse o técnico Marcio Coelho.

Agora, o time quer mais. No domingo (21), às 13h, o Stein tem mais um jogo decisivo, desta vez pelo Novo Futsal Feminino Brasil diante o Leoas da Serra. Como perdeu o jogo de ida, as cascavelenses precisam vencer no tempo normal para forçar a prorrogação com vantagem do empate para chegar à final da competição nacional.

Crédito: Luciano Neves

 

+++ Leia mais: +++

 

Taça FPFS abre semifinais

Cascavel – O Pato Futsal recebe o Umuarama nesta sexta-feira (19), às 20h05min, no Ginásio Dolivar Lavarda, em Pato Branco. O confronto é válido pela semifinal da Taça Federação de Futsal 2021. A equipe pato-branquense chegou a semifinal após eliminar o Palmas nas oitavas de final e passar pela Acel/Chopinzinho nas quartas de final.

Já o Umuarama chega para seu primeiro jogo na competição após a eliminação da Série Ouro pelo Campo Mourão. Para o confronto de ida da semifinal, o Pato Futsal conta com o retorno do ala Gabriel Rosa, liberado pelo departamento médico.
A outra semifinal será entre Dois Vizinhos x Operário Laranjeiras, que fazem o primeiro jogo da semifinal no próximo domingo, em Laranjeiras do Sul.

 

+++

 

Paranaense tentam salvação na Série B

Cascavel – Dois dos times paranaenses que disputam a Série B do Campeonato Brasileiro seguem ameaçados pelo rebaixamento, mas poderão cooperar nos jogos da penúltima rodada que acontecem nesta sexta-feira. Em melhor condição, com 45 pontos, o Operário vai à Santa Catarina para enfrentar o Brusque, que conseguiu recuperar os pontos perdidos por conta de racismo e foi a 44 pontos.

O atual campeão paranaense jogará em Goiânia, contra o Vila Nova, atual 13º colocado.
Caso os dois times paranaenses vençam seus jogos, o Operário fica livre de qualquer possibilidade de rebaixamento e o Londrina deixa a ZR dependendo apenas de um empate na última rodada para permanecer na Série B.

De quebra, a partida entre Vasco e Remo também pode ajudar os paranaenses, desde que os cariocas vençam.

 

+++

Brusque reverte punição por racismo

Londrina – Celsinho, do Londrina, relata caso de racismo em partida contra o Brusque pela Série B. O STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva) devolveu ao Brusque os três pontos na tabela da Série B do Brasileiro. O clube teve o recurso julgado em videoconferência, ontem (18), a respeito do caso de racismo por parte de um dirigente contra o jogador Celsinho, do Londrina. A decisão foi por maioria dos votos dos auditores. Com a recuperação dos pontos, o Quadricolor passa a ter 44, sobe para a 14ª colocação e aumenta as chances de permanência na competição nacional.