Xô racismo! Partidas poderão ser paralisadas

Será possível que uma partida seja interrompida ou até encerrada, com derrota atribuída ao time infrator

São Paulo – A Fifa tornou público seu novo Código Disciplinar com uma novidade importante: os árbitros terão maior poder para atuar em episódios de racismo. De acordo com o documento, será possível que uma partida seja interrompida ou até encerrada, com derrota atribuída ao time infrator, caso aconteça um episódio de racismo. Para que a medida mais extrema seja aplicada, será preciso que aconteçam: primeiro, pedir que seja feito um anúncio pedindo que as ofensas sejam interrompidas. Depois, caso a medida não tenha efeito, a partida será paralisada. Apenas se a situação persistir é que será possível determinar o encerramento do jogo. O novo código entra em vigor a partir da próxima semana em suas competições. “A Fifa não vai decepcionar as vítimas de racismo”, afirmou a entidade em nota.

Quando usar máscara de pano

 

Mosquito da dengue nas áreas externas


Fale com a Redação

dezoito + um =