H) Billboard Internas (320X50)
H) Billboard Internas (970x250)

POLÍTICA

Tratativas deixam nova Ceasa cada vez mais real

07 de junho de 2019 às 11:21
Publicidade

As tratativas entre o Município de Cascavel e o governo do Paraná para a construção da nova sede da Ceasa avançaram mais uma etapa ontem (6), com a visita oficial do secretário de Estado da Agricultura e Abastecimento, Norberto Ortigara, que esteve no gabinete do prefeito Leonaldo Paranhos acompanhado do diretor-presidente da Ceasa-PR, Éder Bublitz, e do presidente do Sindaruc, Paulo Salesbram, que representa os comerciantes das Ceasas do Estado.

“O sonho de fazer uma moderna estrutura continua vivo”, afirmou o secretário, que esteve em Foz do Iguaçu e, de passagem, veio buscar “uma parceria definitiva” para construir em Cascavel uma das mais modernas Ceasas (Centrais de Abastecimento do Paraná S.A) do Brasil. Para isso, é preciso a garantia de que o Município cederá uma área onde possa ser executado o projeto estimado em R$ 20 milhões.

“Queremos uma unidade modelo, moderna e funcional, que possa receber, descarregar, fracionar e distribuir melhor os hortifrutis, além de estimular o aumento da produção local de folhosas, pois Cascavel tem um forte potencial para a produção, mas sem uma estrutura adequada e estímulo técnico acaba comprando de outras regiões do País”, detalhou Ortigara.

Área em negociação

O prefeito Leonaldo Paranhos disse que há mais de um ano estuda o melhor local para a construção da nova Ceasa e que está em vias de o proprietário de uma área de 3 alqueires, nas proximidades do Contorno Oeste, fazer a doação para o Município, para que possa disponibilizar o imóvel para a Ceasa iniciar o projeto. “Estamos empenhados em agilizar essa conquista, numa área de fácil acesso para a movimentação de cargas e que possa centralizar também a nova concepção de produção urbana de folhosos”, enfatizou o prefeito.

Éder Bublitz explicou que se pleiteia uma área, preferencialmente na região oeste da cidade, com pelo menos 60 mil metros quadrados, para que possa ser dobrada a capacidade da atual sede, que está localizada em terreno de 31 mil metros quadrados, em edificação que data 30 anos e conta com 20 permissionários cadastrados.

Um esboço do projeto já foi apresentado ao prefeito no gabinete. Ele tem formato de condomínio autossustentável, moderno e humanizado, que oportunizará emprego e renda aos produtores locais. “Logisticamente, teremos em Cascavel a melhor Ceasa do Brasil, que servirá de modelo para as 72 do País”, reafirmou Ortigara.

Participe do nosso grupo no WhatsApp

PUBLICIDADE

I) Internas lateral Desktop (300x600) - Revisado

PUBLICIDADE

K) Rodapé Internas (728x90) Desktop