Assis Chateaubriand – A Secretaria de Saúde iniciou 2019 intensificando os trabalhos de combate a escorpiões, simultaneamente ao enfrentamento ao mosquito da dengue em Assis Chateaubriand.

Na última quinta-feira (3), quando todos os setores da administração municipal retomaram as atividades após recesso, os agentes de endemias foram às ruas e vistoriaram dezenas de residências, empresas e terrenos baldios.

O trabalho começou pelo Plano Piloto, no trecho compreendido entre as Avenidas Tupãssi e do Bosque, onde constantemente são encontrados escorpiões, mas se estenderá por todos os bairros da cidade nos próximos dias. “Em apenas um dia e meio de trabalho encontramos cinco escorpiões da espécie amarela, que são altamente venenosos e muito comuns em nossa região. É preciso que todos fiquem atentos nos quintais de casa, pois o acúmulo de entulhos e sujeira continua sendo o grande problema e é onde encontramos esses animais peçonhentos”, alerta o diretor de Vigilância em Saúde, Fábio Fantin Camilo.

De acordo com o secretário de Saúde, Agnaldo Vieira, a fiscalização será mantida durante o ano todo, mas a prevenção a acidentes só é possível com a colaboração dos moradores.

A Secretaria de Saúde alerta que o escorpião amarelo, uma das espécies de maior periculosidade, prefere se proteger em ambientes quentes e úmidos, saindo para caçar e se alimentar. No ambiente domiciliar, abriga-se sob madeiras velhas, lenha, telhas, tijolos, restos de construção, entulhos e principalmente frestas em calçadas, muros e paredes.

Lixo domiciliar mal acondicionado, restos de alimentos e sujeira atraem insetos, como baratas e outros que são alimentos dos escorpiões. Dessa forma, esses animais têm abrigo, alimento e água no entorno das habitações.