Um projeto de vigilância genômica lançado pela Dasa identificou três casos de infecção pela variante do coronavírus B.1.617, conhecida como Delta (indiana), em 254 amostras do Paraná. Os casos são de Curitiba, Cascavel e Matinhos e todas as amostras são da primeira quinzena de junho.

De acordo com a Dasa, as autoridades sanitárias do Paraná foram informadas sobre os três casos na terça-feira (27), contudo, não constam na confirmação de mais 16 casos divulgada ontem. A Sesa (Secretaria de Estado da Saúde) teria informado que não havia não havia sido “notificada oficialmente sobre esses casos”.

As informações são da jornalista Catarina Scortecci, da Gazeta do Povo.

Na quarta-feira, a Sesa confirmou a transmissão comunitária da variante Delta no Paraná. São 29 infectados e 12 mortes.