A Adapar (Agência de Defesa Agropecuária do Paraná) confirmou nesta sexta-feira (28), a adesão do Município de Cascavel ao Susaf-PR (Sistema Unificado de Atenção à Sanidade Agroindustrial Familiar e de Pequeno Porte no Estado do Paraná). Com isso o SIM/POA (Serviço de Inspeção Municipal de Produtos de Origem Animal) está habilitado a certificar médios produtores para comercializar sua produção em qualquer um dos 399 municípios do Paraná.

Desde 1997, Cascavel certifica os produtos de origem animal que são comercializados em feiras e mercados do município. Em 2011, Cascavel recebeu a adesão do Sistema Brasileiro de Inspeção de Produtos de Origem Animal (Sisbi) que passou a a certificar a comercialização para outros estados. Faltava ainda uma certificação para produtores venderem dentro do estado.

O médico veterinário João Carlos Koehler, responsável pelo SIM/POA, explica que os estabelecimentos que têm interesse em expandir a comercialização para outras cidades precisam procurar o órgão de inspeção. “Vamos fazer a avaliação da estrutura física, equipe técnica e equipamentos para vermos se a agroindústria tem condições de fazer uma produção com segurança, dentro das regras sanitárias e, principalmente, as normas de higiene”, diz.

O empresário Andrey Mikael Pasa, que possui uma distribuidora de carnes, diz que a certificação abre portas e já pensa em ampliar a produção e, consequentemente, aumentar o número de funcionários. Atualmente ele possui 15 funcionários. “Antes a gente estava limitado ao município e, com essa certificação, conseguiremos atender o estado do Paraná inteiro”, diz. Segundo ele, a meta é iniciar expandido para cidades da região Oeste e posteriormente focar em outras localidade.

A empresa de carne e uma indústria de embutidos que fica na região norte são as duas primeiras que serão certificadas.