COTIDIANO

Pesca no Lago tem bom público e segue até às 17h

10 de abril de 2022 às 13:16
Publicidade

O domingo começou diferente e divertido para uma multidão que margeia o Lago Municipal de Cascavel desde às 7h para participarem da tradicional pesca.

Muitas pessoas madrugaram ou passaram a noite no local aguardando os portões abrirem para um dia de lazer no entorno do principal cartão-postal da cidade. Além do evento, tem a parte social da pescaria já que o ingresso foi trocado por um quilo de alimento destinado ao Provopar e outras entidades assistenciais que atendem pessoas em vulnerabilidade social.

A coordenadora do Provopar, Néia Alberton, disse que a arrecadação de alimentos ficou acima do esperado. Foram mais de nove toneladas que serão distribuídas às centenas de famílias assistidas pelo Provopar e outras entidades da cidade. Mais de nove toneladas de alimentos foram arrecadadas.

“A pesca aconteceu no melhor momento. No momento em que o Provopar estava com o menor volume de doações. Nós estávamos praticamente zerados. As pessoas fizeram questão de levar, às vezes, não só um quilo de alimento, mas vários quilos”, enfatiza Néia.

O secretário de Meio Ambiente, Nei Haveroth, destacou que, além de poder contemplar a beleza do lago, as famílias têm momentos de integração.

“O dia está lindo, maravilhoso, possibilitando o lazer de todas as famílias, de todos os pescadores que vieram aqui hoje para aproveitar esse dia com muita integração e solidariedade”, diz Haveroth

O vice-prefeito Renato Silva lembrou que, em 1988, ele ao lado do então prefeito Fidelcino Tolentino, ajudou a soltar os primeiros peixes no Lago Municipal de Cascavel e, 34 anos depois, é gratificante estar presenciando um dia especial às famílias.

“Pescar é um esporte leve e eu fico feliz em ver o Município, o prefeito Paranhos e toda a sua equipe proporcionando um dia feliz para as famílias”, afirmou.

Aproximadamente 200 pessoas estão envolvidas na organização do evento para garantir um dia especial para as famílias de Cascavel e de outras cidades que vieram para participar da pescaria.

(Secom)

Foto: Vanderlei Faria/Manoel Teixeira

Participe do nosso grupo no WhatsApp

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE