COTIDIANO

Paraná: Pequenos negócios geraram 9 em cada 10 vagas de trabalho no mês de março

10 de maio de 2022 às 08:21
Agencia do Trabalhador Disponibiliza 400 Vagas para desempregados com 50 anos ou mais. Fotos:Ari Dias/AEN.
Publicidade

 

Curitiba – As micro e pequenas empresas – MPE – expandiram, no último mês de março, a sua participação proporcional na geração de novos postos de trabalho no País. O segmento, que tem sido o maior responsável pela criação de empregos ao longo dos últimos anos (em especial no período da pandemia), abriu nada menos que 88,9% de todas as vagas no terceiro mês de 2022. No Paraná, os números são ainda melhores: os pequenos negócios fizeram 8.768 contratações, 97,2% do total, em março passado.

De acordo com um levantamento feito pelo Sebrae com base nos dados do Caged, do Ministério do Trabalho e Previdência, no acumulado do ano, o Paraná tem saldo de 33.200 empregos gerados por pequenos negócios, enquanto as médias e grandes empresas – MGE – contabilizam saldo de 22.587 empregos. O Brasil acumula um saldo de 430 mil vagas geradas por micro e pequenas empresas, enquanto as médias e grandes tem saldo de 148 mil empregos. Só no mês de março, no Brasil, os pequenos negócios tiveram mais de um milhão de admissões e um saldo positivo de 121 mil empregos.

 

Serviços lideram

O setor de Serviços continua sendo a principal força geradora de empregos, tanto no Brasil quanto no Estado do Paraná. Em março, as MPE desse segmento contrataram 74.255 pessoas, totalizando, até o momento, 273.698 novos postos de trabalho, em 2022. No Estado do Paraná, foram 5.283 admissões.

No ano passado, de acordo com o Caged, as MPEs paranaenses foram as principais responsáveis pela geração de empregos com carteira assinada. Durante o ano de 2021, foram criados 143.733 novos postos de trabalho pelas MPEs. Ao todo, 83% dos empregos no Paraná foram gerados por micro e pequenas empresas. O Paraná foi o quarto estado brasileiro em números absolutos na geração de empregos com carteira assinada.

 

Sebrae 50+50

Em 2022, o Sebrae celebra 50 anos de existência, com atividades em torno do tema “Construir o futuro é fazer história”. Denominado Projeto Sebrae 50+50, a iniciativa enfatiza os três pilares de atuação da instituição: promover a cultura empreendedora, aprimorar a gestão empresarial e desenvolver um ambiente de negócios saudável e inovador para os pequenos negócios no Brasil. Passado, presente e futuro estão em foco, mostrando a evolução desde a fundação em 1972 até os dias de hoje, com um olhar também para os novos desafios que virão para o empreendedorismo no país.

 

Cadastro de demanda definirá cursos profissionalizantes

 

A Agência do Trabalhador de Cascavel informou ontem (9) que uma reunião vai alinhar o processo de seleção dos cursos profissionalizantes que serão implantados em Cascavel, em parceria envolvendo o Município e a Secretaria da Justiça, Família e Trabalho. O Governo do Estado do Paraná está em processo de definição sobre os cursos que serão implantados nos municípios para qualificação da mão de obra. Para cadastrar as demandas, será utilizada a plataforma Supertec. As empresas poderão escolher quais cursos que mais se enquadram em suas necessidades de contratação de mão de obra qualificada. Os cadastros serão feitos somente pela plataforma Supertec até do dia 15 de maio.

Participe do nosso grupo no WhatsApp

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE