POLÍTICA

No Paraná, Alvaro lidera a corrida presidencial

23 de dezembro de 2017 às 11:07
Publicidade

Curitiba – Enquanto o Sudeste tenta forçar uma polarização entre Luiz Inácio Lula da Silva (PT) Jair Bolsonaro (PSC) na disputa à Presidência da República, no interior do País a história é bem outra. No Paraná, por exemplo, o preferido dos eleitores é o senador Alvaro Dias (Podemos). E com ampla vantagem.

Pesquisa realizada pelo Paraná Pesquisas a pedido da Gazeta do Povo revela a liderança folgada do ex-governador paranaense, com 33,5% das intenções de voto. Lá atrás aparecem Bolsonaro e Lula, respectivamente com 19,5% e 14,4%.

Há de se considerar que os números podem refletir o fato de Alvaro ter feito carreira política pelo Paraná: foi governador, deputado estadual e federal, além de ocupar cadeira no Senado. Essa relação com o Estado pode ser decisiva para que ele esteja no topo da preferência do eleitorado paranaense. O mesmo fenômeno acontece em outros estados, em que líderes locais acabam por ter mais intenções de voto. Em São Paulo, por exemplo, o governador Geraldo Alckmin (PSDB) está na frente.

“Mas o Alvaro Dias se saiu melhor que outros políticos em seus estados. Ele tem mais intenções de voto do que Alckmin teve em São Paulo [23%] e mais do que o dobro que o Ciro Gomes (PDT) no Ceará [16%]”, avalia o diretor do Paraná Pesquisas, Murilo Hidalgo.

O instituto ouviu 1.520 pessoas, em 66 municípios do Estado. A margem de erro é de 2,5 pontos porcentuais, para mais ou para menos.

Bem cotado

No Sudoeste brasileiro, Alvaro Dias tem boa reputação, especialmente pelo seu sempre bom relacionamento com a grande mídia. Sem se envolver em escândalos políticos e nunca se furtar de se posicionar em temas polêmicos, Alvaro tem espaço garantido em programas de entrevista e nos próprios telejornais. Sua imagem, de modo geral, é bastante positiva.

Contudo, não deixa de ser um grande desafio para Alvaro arrebanhar eleitores em outros estados, até porque é preciso tornar pública sua candidatura. Afinal, tirando parte dos paranaenses, quem é que sabe que ele é pré-candidato? Enquanto a grande mídia tenta polarizar a disputa entre Lula e Bolsonaro, esquece de dar espaço para outras opções viáveis e bem vistas, a exemplo de Alvaro Dias.

“O único estado em que ele [Alvaro Dias] lidera é o Paraná. Quanto mais se afasta do Paraná, mais difícil fica para ele. As reais chances de cada um ficarão mais evidentes quando a campanha, em si, começar”, acrescenta o diretor do Paraná Pesquisas.

Na rabeira

Já outros candidatos incluídos no cenário estimulado pelo Paraná Pesquisas e, inclusive, alguns bastante conhecidos por todo o País, até ex-candidatos a presidente, aparecem em uma faixa bem abaixo: o ex-ministro Joaquim Barbosa (sem partido) foi lembrado por 3,8% dos entrevistados, enquanto Marina Silva (Rede) foi apontada por 3,3% e o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), ficou com 3% das intenções de voto. Por fim, aparecem Ciro Gomes (PDT), com 2,6%; o presidente Michel Temer (PMDB), com 1,7%, o ministro Henrique Meirelles (PSD), com 0,7%, e a deputada Manuela D’Ávilla (PCdoB), com 0,1%.

Aprovação de Temer

O Paraná Pesquisas também aferiu a percepção do paranaense quanto ao Governo Temer. O resultado mostra que os entrevistados se mostraram um pouco mais tolerantes com a atual gestão, em relação ao restante do Brasil. Segundo a pesquisa, 15,9% dos consultados aprovam a administração de Temer, enquanto 80,8% desaprovam o governo.

A pesquisa aponta ainda que 0,7% dos paranaenses avaliam como ótima a gestão do presidente e que 6,3% a consideram boa. Por outro lado, 23,5% acham que o governo é apenas regular. Outros 18% apontam que a administração é ruim e 50,5% a classificam como péssima. Os que não opinaram correspondem a 0,9%.

Participe do nosso grupo no WhatsApp

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE