Levar embaixada dos EUA a Jerusalém destruiria processo de paz, diz OLP

ShowImage.jpgRAMALLAH – A ameaça do indicado de Donald Trump à embaixada americana em Israel fez as autoridades palestinas advertirem que a transferência da representação de Tel Aviv para Jerusalém “destruiria o processo de paz”. Sócio fundador de uma empresa de advogados especializada em falências, David Friedman disse estar “ansioso para chegar à paz na embaixada dos Estados Unidos na eterna capital de Israel, Jerusalém”. trump & israel

Unimed

? Tomar essa decisão agora destruiria o processo de paz, dado que o estatuto final da histórica cidade deve fazer parte das negociações ? advertiu o secretário-geral da Organização pela Libertação da Palestina (OLP), Saeb Erekat.

Judeu defensor dos assentamentos e crítico à solução de dois Estados para o conflito palestino, Friedman precisa ser ratificado pelo Senado ao cargo. Em uma de suas declarações polêmicas, o futuro embaixador afirmou que os judeus que apoiam a solução de dois Estados são “muito piores” do que os colaboradores nazistas.

A embaixada americana é localizada em Tel Aviv por décadas, processo ratificado por uma lei especial tramitada no Congresso. Trump prometeu durante a campanha presidencial que mudança para Jerusalém, uma medida que pode gerar objeções de muçulmanos de todo o mundo, já que a cidade representa as religiões judaica, católica e muçulmana.

“(Friedman) tem sido um amigo de longa data e conselheiro de confiança. Suas fortes relações com Israel formaram uma base de sua missão diplomática e será um enorme trunfo para nosso país, reforçando os laços com nossos aliados e buscando a paz no Oriente Médio”, disse Trump.

Durante a campanha, Trump deixou claro que apoiaria Israel em várias questões críticas, incluindo a transferência da embaixada dos Estados Unidos para Jerusalém, reconhecendo praticamente a cidade como capital do Estado judeu apesar dos protestos internacionais. O republicano também disse que não pressionaria Israel em manter negociações com os palestinos.

trump.jpg


Receba as principais notícias através do WhatsApp

ENTRAR NO GRUPO

Lembre-se: as regras de privacidade dos grupos são definidas pelo Whatsapp. Ao entrar seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.


Fale com a Redação