Fila “oficial”: Saúde abre postos de madrugada

A nova recomendação evita que os pacientes fiquem ao relento

A Secretaria de Saúde de Cascavel está trabalhando, nas últimas semanas, com horário padronizado no atendimento de pacientes que buscam a ficha durante a madrugada nas UBSs (Unidades Básicas de Saúde). Como em alguns bairros o portão era aberto ainda durante a noite, uma vez que filas começavam se formar muitas vezes à meia-noite, e em outras por volta de duas ou três horas da madrugada, definiu-se pela abertura dos portões, nas 13 UBSs às 4h.

Nesse horário, o guarda patrimonial abre a porta, recebe as pessoas que estão na fila e distribui uma senha por ordem de chegada. Às 7h, quando abre a unidade para o atendimento, os pacientes passam a ser recebidos pela equipe de recepção e enfermagem. “Estamos atendendo a um pedido do prefeito Leonaldo Paranhos para que as pessoas não fiquem ao relento à mercê das condições climáticas, pois, embora a maioria das UBS atenda com agendamento, as pessoas ainda têm a cultura da fila”, explica o secretário de Saúde, Thiago Stefanello.

Segundo ele, a medida não seria um estímulo às pessoas irem à fila de madrugada, “mas queremos oferecer melhor acomodação”.

O vereador Fernando Hallberg divulgou vídeo em suas redes sociais criticando a iniciativa, pois considera um absurdo que as pessoas ainda tenham que madrugar para disputar uma ficha de atendimento quando todo o sistema já deveria ser informatizado e permitir agendamento eficiente.

Mesmo que o secretário diga que a maioria das unidades faz o agendamento, esse é priorizado para idosos e crianças, e o restante das consultas é disponibilizado na distribuição de fichas por ordem de chegada.

 

 



Fale com a Redação

seis + um =