Ferramenta gratuita de estudo por Whats ajuda alunos do 6º ao 9º ano

Haverá inclusões semanais para cada ano escolar, a fim de manter a ferramenta sempre dinâmica e atualizada

Com aulas presenciais suspensas, pais e profissionais da educação buscam formas de manter o aprendizado dos estudantes durante o período de isolamento social provocado pela pandemia do novo coronavírus. Para servir de apoio nesse momento e ajudar a direcionar os estudos, a Fundação 1Bi, apoiada pelo Grupo Movile, a Fundação Lemann e a Imaginable Futures, desenvolveram o AprendiZap 6º – 9º ano.

Quando usar máscara de pano

Gratuita e acessada pelo celular, a ferramenta distribui conteúdo criado por professores parceiros, fundamentado na Base Nacional Comum Curricular. Para utilizar, basta o aluno enviar um “oi” para o número (11) 97450-6763. A partir daí, um bot (robô) vai mandar as instruções e perguntar qual é o ano do(a) aluno(a). O estudante receberá uma trilha de dez conteúdos para estudar por semana, incluindo textos, vídeos e exercícios.

“Escolhemos esse modelo por WhatsApp, já testado em versões anteriores do AprendiZap, com outras temáticas, por ser acessível para grande parte dos jovens em vulnerabilidade social. Enquanto muitos não possuem acesso a wifi em casa, a maior parte dos planos básicos de operadoras concede acesso ilimitado ao aplicativo”, explica Débora Nunes, analista de produtos e soluções da Fundação 1Bi.

“Nossa prioridade é assegurar que todos os alunos tenham condições para seguir aprendendo e se desenvolvendo, ainda que remotamente. Nada substitui as aulas presenciais e sabemos que não há uma única solução capaz de atender 100% dos estudantes, mas iniciativas como o AprendiZap têm enorme potencial de alcance e podem ajudar a minimizar os impactos do novo coronavírus na educação”, afirma Denis Mizne, diretor executivo da Fundação Lemann.

Haverá inclusões semanais para cada ano escolar, a fim de manter a ferramenta sempre dinâmica e atualizada. Quem entrar depois poderá voltar nas primeiras semanas ou seguir do momento atual. As matérias abordadas serão: Língua Portuguesa, Matemática, História, Geografia, Ciências (química e física), Artes e Inglês.

 

Fundação 1Bi

Lançada em agosto de 2019, a Fundação 1Bi tem sua atuação baseada em três pilares: ensinar por meio da tecnologia; ensinar a tecnologia em si e apoiar organizações que tenham propostas semelhantes. Tais frentes completam ações de educação por meios digitais, treinamentos e parcerias com outras instituições, cursos para formação de jovens em áreas de tecnologia e programação, hackathons sociais, consultoria para ONGs, dentre outras iniciativas.

“A Fundação 1Bi tem como grande sonho gerar oportunidade para todos os jovens brasileiros, não poderíamos nos deparar com esse cenário e não agir para tentar solucionar. Acreditamos que a tecnologia tem um potencial de impacto muito grande e pode sim nos ajudar a superar dificuldades como essa que estamos vivendo. Temos altas expectativas para esse produto e para a parceria com a Fundação Lemann e a Imaginable Futures”, cita Matheus Fonseca, Diretor geral da Fundação 1Bi.

 

Mosquito da dengue nas áreas externas


Fale com a Redação

9 − três =