A Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) distribuiu nessa quarta-feira (17) mais 282.947 doses de vacinas contra a Covid-19 para suas 22 Regionais. A nova remessa contempla trabalhadores da saúde, idosos e população em geral e é referente às 65ª e 67ª pautas de distribuição do Ministério da Saúde.

Do total, 189.642 vacinas são da Pfizer/BioNTech, destinadas para segundas doses (D2), doses reforço (DR) e reposição. Para DR foram separadas 20.796, sendo 7.392 para idosos acima de 70 anos e 8.736 para as pessoas de 60 a 69 anos. Aos trabalhadores da saúde foram enviadas 4.668 vacinas.

Também fazem parte deste lote de distribuição mais doses da Pfizer destinadas à população em geral: 149.616 segundas doses, referentes à 50ª remessa, 18.564 (D2) para quem iniciou o esquema vacinal na 48ª e 49ª remessas, além de 162 doses para os que começaram a vacinação com D1 na 43ª remessa.

O quantitativo de 504 imunizantes da Pfizer é para reposição de doses perdidas pelos municípios por variação de temperatura.

Estão inclusas nesta entrega 15.470 CoronaVac/Butantan e 77.835 AstraZeneca/Fiocruz para D2 da população adulta. As doses vão completar a vacinação iniciada nas remessas 59ª, 60ª, 62ª e 67ª.

ENTREGA – Recebem por avião as regionais de Umuarama, Cianorte, Paranavaí, Maringá, Apucarana, Londrina, Cornélio Procópio, Jacarezinho e Ivaiporã. A logística para as regionais de Paranaguá, Metropolitana, Ponta Grossa, Irati, Guarapuava, União da Vitória, Pato Branco, Francisco Beltrão, Telêmaco Borba, Foz do Iguaçu, Cascavel, Campo Mourão e Toledo foi por meio terrestre.

REFORÇO  Nessa terça-feira (16), o governo federal anunciou a redução do intervalo de tempo para aplicação da dose de reforço da vacina contra a Covid-19, dos atuais seis meses para cinco meses, além de contemplar todas as pessoas acima de 18 anos, independentemente do grupo etário ou profissão, inclusive aquelas que receberam a Janssen.

O secretário estadual da Saúde, Beto Preto, disse que a decisão do Ministério da Saúde foi positiva e era esperada. “Havíamos pedido um intervalo de quatro meses, devido aos vários estudos científicos já realizados e a comprovação da eficácia da vacina. Recebemos os imunizantes por meio do Plano Nacional de Imunização (PNI), desta forma, dependemos agora do envio dessas doses direcionadas ao público em geral para que possamos distribuir aos municípios”, afirmou.

VACINAÇÃO – Segundo os dados do Vacinômetro nacional, o Paraná já aplicou 16.799.530 vacinas contra a Covid-19, sendo 8.784.893 primeiras doses (D1) e 7.296.223 segundas doses (D2) ou dose única (DU). O Estado registra ainda a aplicação de 49.646 doses adicionais (DA) e 668.768 doses de reforço (DR)

Confira a distribuição de doses enviadas por Regional de Saúde:

(AEN)