Uma das atrações em um estande no Show Rural é o “Carport”. Um sistema que agrega novas funções às placas fotovoltaicas. Alia as vantagens de colher uma energia limpa, fornecida diária e gratuitamente pela natureza, à possibilidade de abrigar e proteger os veículos, abastecendo-os com essa mesma energia.

A estrutura em exposição conta com 18 módulos ou placas fotovoltaicas, que geram 720 kW/h, energia suficiente para atender à demanda de duas residências de padrão médio e ainda oferecem sombra e proteção para dois automóveis contra as intempéries climáticas.

Segundo Pedro Tochetto, diretor da empresa, a estrutura é produzida em alumínio 100% anodizado e os periféricos em aço inox. O sistema de vedação é feito com borrachas especiais, com proteção UV, que impedem a infiltração de água. Tudo, segundo ele, para garantir a vida útil mínima de 25 anos.

“Cada caso é um caso. Gera um projeto específico que é desenvolvido pela equipe de engenharia da empresa de energia e pensado para as demandas e as necessidades de cada cliente. O sistema Carport é indicado para pequenas e grandes áreas, resultando em estacionamentos que protegem contra as intempéries, geram energia a partir de uma matéria-prima que tem custo zero e ao mesmo tempo podem servir de posto de abastecimento dos veículos elétricos do futuro”, reforça Pedro Tochetto, adiantando que, em média, o Carport demanda um investimento de 12% a 17% maior que a instalação das placas solares diretamente nos telhados ou rente ao solo.