Curitiba – Rivais que veem a ameaça do rebaixamento eminente no Brasileirão, Atlético-PR e Paraná Clube fazem clássico paranaense neste domingo pela 26ª rodada da Série A, às 16h, na Arena da Baixada.

Sem vencer há 11 jogos, o Tricolor vive situação crítica, na lanterna da classificação, com 99% de rebaixamento – segundo o site estatístico “InfoBola” – e a 12 pontos do primeiro time fora da zona da degola. Já o Rubro-Negro frequenta o meio da tabela, 11ª posição, mas distante apenas três pontos do grupo dos quatro últimos.

Ainda assim, o Furacão chega despreocupado para o clássico. Isso a julgar pelo “luxo” de poupar jogadores no duelo. A viagem à Venezuela, onde venceu o Caracas e encaminhou vaga para as quartas de final da Sul-Americana, acentuou o desgaste da equipe que vinha jogando a cada três dias. No retorno, o técnico Tiago Nunes confirmou o rodízio no elenco para este jogo, mas não antecipou quem irá jogar. Destaques do grupo, o meia Raphael Veiga e o atacante Pablo devem estar entre os poupados.

No Paraná Clube, o clássico é encarado como a chance de uma sobrevida no Brasileirão. Além do mais, a fraca campanha já impacta na diretoria e na comissão técnica. O diretor de futebol e quatro integrantes da comissão técnica foram demitidos nesta semana. Novos resultados negativos podem respingar no elenco, que já deverá ser moldado para 2019.