Coluna ADI: Moro bate no Psol, MP do Agro e Podemos de fora

Moro bate no Psol

brde2

No Twitter, o ministro Sergio Moro (Justiça e Segurança Pública) afirmou que o Psol votou contra a proposta que qualificava as milícias como organizações criminosas. “Não gosto deste jogo político. Mas verdades precisam ser ditas. No projeto de lei anticrime, propusemos que [as] milícias fossem qualificadas expressamente como organizações criminosas. Propusemos várias outras medidas contra crime organizado. O Psol, de Freixo e Glauber, foi contra todas elas”, disse Moro. Marcelo Freixo e Glauber Braga são deputados do Psol do Rio de Janeiro.

 

***MP do Agro

A MP do Agro, relatada pelo deputado Pedro Lupion (DEM-PR), foi aprovada pela Câmara dos Deputados. Lupion argumenta que a medida desburocratiza e facilita o acesso a crédito pelo produtor rural. “Essa, talvez, seja a peça legislativa mais importante que debatemos para o setor rural nos últimos anos. A MP tem chance de dar um alento e facilitar o acesso ao crédito para o produtor rural brasileiro”.

 

Sem reajuste

Projeto de lei do deputado Luiz Fernando Guerra (PSL), aprovado em primeiro turno na Assembleia Legislativa, prevê que as concessionárias de pedágio não podem aumentar as tarifas enquanto o cronograma de obras não for cumprido. Segundo a proposta, serão consideradas em atraso as obras ou os melhoramentos que estiverem em desacordo com os prazos e as condições estipuladas no respectivo contrato de concessão ou cronograma.

 

Destaque na América

Cascavel é uma das cidades com maior número de famílias acolhedoras da América Latina. O Programa Família Acolhedora já abrange 200 famílias que acolhem mais de 300 adolescentes e crianças.

 

Podemos de fora

O senador Alvaro Dias adianta que o Podemos se posicionou contra a derrubada do veto presidencial ao trecho que permite a parlamentares determinar a prioridade de pagamentos das emendas. Segundo Alvaro Dias, o partido indicará dois nomes no Senado para a comissão mista que discutirá as mudanças no sistema de impostos e tributação.

 

***Investimento

O deputado Evandro Roman (Patriota) diz que tem trabalhado firme por de Cascavel. Segundo ele, nos últimos quatro anos foram aplicados mais de R$ 161 milhões na cidade. “As conquistas são várias ao longo desse período, cito algumas delas: EcoPark Oeste, pavimentação de estradas rurais, reforma de ginásios, asfalto, construção e reforma de escolas e unidades de saúde, recursos para Uopeccan e HU e muito mais”, disse Roman, pré-candidato a prefeito de Cascavel.

 

200 mil km

A extensão das redes que levam energia para movimentar a economia e o conforto na cidade e no campo acaba de completar 200 mil quilômetros no Paraná. Esse é o ativo que a Copel mantém e opera para atender quase 4,8 milhões de ligações em sua área de concessão. A marca foi atingida com uma obra de melhoria – uma rede de 33 quilômetros – na área urbana em Almirante Tamandaré.

 

Prioridade

O presidente estadual do MDB, João Arruda, disse que a prioridade em Curitiba e nas 398 cidades do Paraná é a formação das chapas de prefeito e vereadores. “Assumi um compromisso de coordenar e ajudar, independentemente de qualquer mudança nas candidaturas em Curitiba ou em outras cidades. Os pré-candidatos a vereador podem ficar tranquilos que esse trabalho está sendo bem feito”.

 

Prova dos nove

“Aqui a prova de que não houve apunhalada nas costas de irmãos e de que tudo não passou de um grande acordo. Sigo em frente de cabeça erguida!”, disse João Arruda no Twitter ao comentar a troca de Osmar Dias do PDT ao Podemos.

 

 

JK

Receba as principais notícias através do WhatsApp

ENTRAR NO GRUPO

Lembre-se: as regras de privacidade dos grupos são definidas pelo Whatsapp. Ao entrar seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.


Fale com a Redação