ECA 31 anos

Em comemoração aos 31 anos da implantação do ECA (Estatuto da Criança e do Adolescente) no Brasil, a Secretaria da Justiça, Família e Trabalho realizou ações em todo o Paraná sobre a conscientização e combate à violência contra crianças e adolescentes. O secretário Ney Leprevost reafirmou o compromisso da gestão em intensificar políticas públicas que integrem um sistema que garanta os direitos das crianças: “Essa ação vem com o intuito de impactar as pessoas em geral e atuar na prevenção e repressão da exploração da mão de obra infantil, seja na área rural ou urbana”.

 

Progresso e sustentabilidade

Em seu artigo sobre progresso e sustentabilidade, o chefe da Casa Civil, Guto Silva, reforça que o foco da gestão estadual é priorizar o desenvolvimento econômico aliado a todos os cuidados com nosso meio-ambiente. “Estamos firmes nesta meta, prova disso é um estudo da Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) que apontou o Paraná como destaque nas áreas de qualidade do ar, preservação da água, proteção costeira e energia renovável. O indicador paranaense é muito superior ao de outros países”.

 

Vem pra Foz!

O projeto de retomada econômica de Foz do Iguaçu entra na sua segunda edição com a campanha Vem pra Foz! Assim como na primeira edição da campanha, divulgada em setembro do ano passado, o foco será o incentivo à volta dos turistas ao Destino Iguaçu. O ministro do Turismo, Gilson Machado Neto, visitou Foz do Iguaçu no último fim de semana e reiterou “Foz tem destinos turísticos incríveis, o projeto tem o apoio do Ministério do Turismo”.

 

Vacina paranaense

O TCE-PR (Tribunal de Contas do Estado) vai garantir R$ 18 milhões para auxiliar a pesquisa da UFPR (Universidade Federal do Paraná) no desenvolvimento de um novo imunizante contra a covid-19. “Fizemos um compromisso com a vida. Sabemos desse trabalho sério da UFPR e resolvemos utilizar o valor economizado para apoiar a pesquisa da vacina paranaense. É um compromisso que já tem data para acontecer, não precisamos esperar o ano acabar”, disse o presidente do TCE, Fábio Camargo.

 

***Melhor Desempenho

O município de Tomazina tem o 3º Melhor Desempenho do Paraná nos indicadores do Previne Brasil – Saúde da Família. “O certificado de qualidade da APS vem para reconhecer o trabalho que tem sido feito pelos municípios para alcançar os parâmetros de qualidade no atendimento à população. É importante e estratégico para o SUS que a Atenção Primária em Saúde seja fortalecida”, reforça o secretário da Atenção Primária à Saúde da pasta, Raphael Câmara.

 

Ensino domiciliar

O projeto de lei que versa sobre a regulamentação do ensino domiciliar no Paraná foi aprovado por unanimidade pelos integrantes da Comissão de Defesa dos Direitos da Criança, do Adolescente, do Idoso e da Pessoa com Deficiência – Criai, da Assembleia Legislativa do Paraná. Agora o PL segue para a Comissão de Educação e depois, para votações em plenário.

 

70% da população

O deputado Luiz Claudio Romanelli (PSB) considera possível conter os impactos mais graves da covid até o fim deste ano. “A velocidade da vacinação e a cautela que toda a população deve manter nos próximos meses são fatores decisivos para frear a pandemia e fazer com que a normalidade volte. Só nos sentiremos seguros quando 70% da população adulta tomar a vacina. Isso deve acontecer até agosto”, pondera.