Com o objetivo de apresentar e debater acerca das normas éticas da profissão de nutricionista aos acadêmicos do curso Nutrição do Centro Universitário de Cascavel – Univel,  a convidada Carolina Bulgacov Dratch, coordenadora técnica do CRN 8 – Conselho Regional de Nutricionistas da 8ª região, com sede em Curitiba, ministrou uma palestra sobre “Código de Ética do Profissional Nutricionista e ética nas redes sociais”.

A palestra foi transmitida aos acadêmicos do 1º, do 3º e do 5º semestre e, de acordo com a professora do curso de Nutrição da Univel, Gabriela Bucaneve Guedes, as informações compartilhadas pela convidada são de grande importância, principalmente para conhecimento dos alunos ainda em sala de aula. “Foram informações importantes para o acadêmico formar seu pensamento e conhecimento da ética profissional, respeitando a categoria de profissionais, valorizando a si mesmo e, também, em respeito aos seus pacientes e colegas. Os acadêmicos também obtiveram informações sobre ações que os mesmos podem realizar através das redes sociais e quais são consideradas infrações”, conta Gabriela.

Para a coordenadora dos cursos de Nutrição e Gastronomia da Univel, Raquel Eckert Dreher, é importante aproximar os alunos do Código de Ética da profissão e do Conselho Regional de Nutricionistas. A palestra foi uma oportunidade para fazer esse primeiro contato dos alunos com as normas e com o conselho. “Essa palestra foi transmitida especificamente para os calouros do 1º semestre, dentro da disciplina de Ética e Legislação.  A escolha do tema foi a ética dentro das redes sociais, porque muitos profissionais utilizam as redes sociais para divulgar seu trabalho, entretanto, mesmo na internet, temos normas para cumprir”, ressalta Raquel.

Para a acadêmica do 5º semestre do curso de Nutrição da Univel Ana Caroline da Silva, a palestra foi muito interessante e necessária, porque é extremamente importante saber como as tarefas ou as funções dos nutricionistas funcionam na prática, seguindo as normas de ética e como os protocolos acontecem. “Cada conselho tem as suas regras e é importante entender isso como estudante, assim como aprender o que nos é ou não permitido e as possíveis  consequências. Nossa futura profissão nos possibilita tantos caminhos, e cada um deles possui o seu próprio regulamento, é necessário entender sobre ética e ter profissionalismo, respeitando tanto os pacientes quanto os colegas de profissão”, conta Ana.