O ex-prefeito de Cianorte, Claudemir Bongiorno, morreu nesta segunda-feira (19) após ficar 92 dias internado em um hospital de São Paulo para tratar complicações da Covid-19. A informação foi confirmada pela prefeitura.

Bongiorno foi transferido de Cianorte para o hospital Sírio Libanes, em São Paulo, no fim de abril, onde foi entubado e lutava contra a doença.

No início de julho, a família do ex-prefeito informou que o quadro de saúde piorou e ele passou a utilizar a terapia chamada de ECMO – Oxigenação por Membrana Extracorpórea. A ECMO é como um pulmão artificial. Ele também realizava sessões de diálises porque estava com o fígado comprometido.

A mulher do ex-prefeito detalhou que o marido não resistiu a uma infecção e queda de pressão.

Durante os três meses de internação, Bongiorno se comunicou uma única vez com a família quando os remédios de sedação foram reduzidos. No entanto, pouco depois o estado de saúde do ex-prefeito piorou e os médicos voltaram a sedá-lo.

 Claudemir Bongiorno foi prefeito de Cianorte por dois mandatos consecutivos, entre 2013 e 2020.

Bongiorno era empresário do ramo da avicultura e tinha 64 anos. Antes de ser prefeito, foi vereador por duas vezes, entre 1996 a 2000, e de 2000 a 2004. Ele deixa a esposa e três filhos.

Fonte: G1 Paraná