O planejamento de melhoria das estruturas físicas das Escolas e Cmeis da Rede Municipal deu mais um importante passo na manhã desta sexta-feira (25), com as assinaturas das ordens de serviço para reforma dos Cmeis Valério Baratter, no Santa Felicidade, e Espaço e Vida, no Santa Cruz, além da Escola Municipal Edison Pietrobelli, também no Santa Cruz. Por conta da Pandemia, o evento, que aconteceu no auditório da prefeitura, foi restrito a autoridades e representantes das comunidades escolares das unidades contempladas.

O prefeito Leonaldo Paranhos afirmou que as obras que foram autorizadas hoje representam a maturidade da cidade de Cascavel e seus habitantes, que mesmo em momentos difíceis, de pandemia, têm contribuído para o desenvolvimento do município, com o pagamento de seus impostos. “Cascavel é uma cidade madura, sabe o que quer e eu tenho sentido uma transformação no comportamento das pessoas, comportamento de cidadania, de cuidado da cidade, fazer a sua parte, mesmo neste período desta terrível pandemia que nos foi imposta”.

A secretária de Educação, Marcia Baldini, falou da alegria de poder participar de mais estas obras iniciadas, que segundo ela, repercutirão positivamente no desenvolvimento das crianças e no trabalho dos profissionais da Educação. “Sabemos que não é tudo que se almejava que será contemplado, mas é o que o governo municipal, com planejamento, conseguiu para este momento. Com certeza estas unidades terão uma cara nova, uma nova perspectiva e serão novos espaços para aprendizagem”, salientou.

A obra do Cmei Valério Baratter era uma reivindicação antiga da comunidade escolar. Licitado a R$ 799.876,96, o serviço que tem prazo de execução de 5 meses, contemplara a construção de muro, acessibilidade, construção de pórtico de acesso, com identificação da unidade, repintura, aplicação de pastilha na parte externa e troca da cobertura. Além disso, o parquinho também passará por revitalização e a parte elétrica também receberá serviços.

Já no complexo escolar que compreende a Escola Edison Pietrobelli e o Cmei Espaço e Vida, no Bairro Santa Cruz, o serviço licitado compreende a primeira etapa da revitalização que está planejada para o local. Neste primeiro momento a obra contemplará a construção de cobertura em Steel Frame, com telhas trapezoidais galvalume, o que deverá resolver um antigo problema de infiltrações em entrada de água nas unidades em dias de chuva. O modelo de cobertura, licitado em R$ 2.457.022,85, é o mesmo que foi construído na Escola Municipal Dulce Andrade Siqueira Cunha, que tem estrutura parecida.