A Secretaria Municipal de Saúde iniciou, nessa sexta-feira (17), a aplicação da terceira dose da vacina contra a covid-19. Os primeiros a receberem o reforço foram idosos das Instituições de Longa Permanência para Idosos (ILPIs).

As doses de reforço são para todos os idosos com 70 anos ou mais, independente de terem tomado CoronaVac, Astrazeneca, Pfizer ou Janssen. O intervalo para o reforço será de seis meses após a última dose.

Na segunda-feira (20), começa a vacinação para idoso de 70 anos ou mais e imunodeprimidos – pacientes cujos mecanismos normais de defesa contra infecções estão comprometidos. A vacinação será feita das 8h ao meio-dia, em todas as unidades, com exceção das unidades do Santa Cruz, do Nova Cidade e do Floresta, que estão com atendimento exclusivo para covid-19. Pessoas com HIV devem receber a vacina preferencialmente no Cedip (Centro Especializado de Doenças Infecto-Parasitárias).

O secretário Miroslau Bailak explica que as pessoas que tenham imunodepressão devem apresentar laudo médico para tomar a vacina. Pessoas transplantadas com órgãos sólidos também poderão receber a terceira dose.

2ª dose

A vacinação da segunda dose segue normalmente nas unidades de saúde, de segunda a sexta-feira. Com exceção das três unidades Covid-19, todas as demais estão aplicando a dose das 13h às 17h. A segunda dose também é aplicada no Centro de Eventos, das 8h às 17h.