ESPORTES

Cascavel Futsal comunica a morte de Benedito Alves de Lima, o Mangaba

31 de maio de 2022 às 08:44
Publicidade

 

Na manhã desta terça-feira (31) o Cascavel Futsal notificou a imprensa da morte de Benedito Alves de Lima, o Mangaba.

Segue abaixo o texto encaminhado pela assessoria do time:

“É com profunda tristeza e pesar que o Cascavel Futsal comunica a seus torcedores, fãs, a toda comunidade do futsal e aos moradores de Cascavel e região, a morte do nosso amado Mangaba, na madrugada desta terça-feira, 31/05/2022.

Mangaba estava internado no Hospital do Coração-Nossa Senhora da Salete desde o último dia 2 de maio, após apresentar quadro de dengue. Segundo os médicos, durante o internamento, ele desenvolveu hepatite. A doença rapidamente prejudicou o funcionamento de rins e fígado e Mangaba teve que fazer hemodiálise e foi entubado.
Nos últimos dias, a saúde e o corpo, sempre fortes, foram perdendo a capacidade de resposta. Ele desenvolveu uma pneumonia e não resistiu.

Ele deixa esposa, 4 filhos, 11 netos e 4 bisnetos.

Benedito Alves de Lima tinha 79 anos. Nascido em Quatá, no interior de São Paulo, ele se mudou para Cascavel no final da década de 60. O apelido de criança virou sinônimo de carisma.

Ligado ao futebol desde os 13 anos, Mangaba foi um dos melhores massagistas esportivos do Brasil. Trabalhou em grandes clubes como Botafogo, Corinthians e Fluminense. Pelas mãos dele passaram nomes famosos da Seleção Brasileira, como Garrincha e Vavá. Foi também campeão paranaense de futebol com o Cascavel, 1980.

Em 1996, ele deixou os gramados para se dedicar às quadras.
A história de Mangaba e do Cascavel Futsal se entrelaçam em uma parceria de amor e sucesso. Durante 23 anos, ele serviu a Serpente Tricolor.

Mais do que a ajuda nos treinos e jogos, Mangaba era símbolo da paixão pela profissão e da dedicação ao esporte.

Em abril deste ano, Mangaba seria homenageado pela Câmara de Vereadores de Cascavel com a medalha Xiquinho Zimerman, dada aos desportistas que engrandecem o esporte da cidade. Mas, a doença impediu que ele fosse receber o prêmio pessoalmente.

Lenda e símbolo do time, Mangaba esteve presente em todos os títulos conquistados pelo Cascavel em sua a história. Da Série Prata ao título da Liga Nacional de Futsal, vencido em dezembro do ano passado, exatamente no dia do aniversário dele, foram mais de 15 troféus levantados.

Em entrevista para a equipe de Comunicação do Cascavel Futsal, Mangaba disse, depois da conquista da Liga Nacional, que aquele era o dia mais feliz da vida dele.

Mangaba também afirmou, mais de uma vez, que nunca se aposentaria. Queria permanecer na quadra até o último lance, até quando sua saúde permitisse. E assim o fez. Nosso eterno massagista participou do último treino no dia 25 de abril, um dia antes de procurar o hospital com dores no corpo.

Hoje, o coração de todos nós tricolores está apertado. A saudade e a tristeza pela partida de um ser humano tão gentil, humilde, trabalhador e apaixonado como o Mangaba só diminuem quando pensamos que nossa lenda cumpriu sua missão e vai, finalmente, descansar.

Obrigado por tanto amor e dedicação, amigo! Estaremos aqui, em todos os jogos, representando a sua história. Sabemos que você estará sempre torcendo por nós!

O velório irá acontecer na Capela Master da Acesc, a partir das 8 horas da manhã desta terça. Já o sepultamento ocorrerá na quarta-feira, às 10h30, no Cemitério Central de Cascavel.”

Assessoria

Participe do nosso grupo no WhatsApp

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE