Brasil inicia Mundial de Boxe com vitória

Ao todo, são 365 atletas de 78 países no Mundial masculino

Rio de Janeiro – O Brasil começou a disputa do Campeonato Mundial de Boxe Masculino de 2019, realizado em Ecaterimburgo, Rússia, com vitória. No dia em que completou 23 anos, Abner Teixeira (91 kg) se presenteou com um triunfo sobre o colombiano Deivis Julio Blanco por unanimidade, na estreia dele em competições do tipo.

Abner lutará novamente domingo (15), contra Sanjar Tursunov, do Uzbequistão, cabeça de chave número dois.

Já nesta quarta-feira (11), Douglas Andrade (57 kg) será o segundo brasileiro a lutar no Mundial. O oponente dele será Jaroslaw Iwanow, da Polônia. Amanhã, Wanderson “Sugar” Oliveira (63 kg) vai encarar o espanhol Thiam Adrian.

Na sexta-feira (13), Luiz Fernando (69 kg) terá pela frente estadunidense Delante Johnson. No dia seguinte, Hebert Conceição (75 kg), cabeça de chave número 5, lutará contra o vencedor da luta entre o alemão Andrej Mersljakov e Mohammed Abdulla, do Catar.

No domingo (15), será a vez de Keno Marley (81 kg), também cabeça de chave número cinco, adentrar ao ringue para enfrentar o vencedor do combate entre o irlandês Kane Tucker e Uulu Erkin Adylbek, do Quirguistão. Por fim, o superpesado Joel Silva (acima de 91 kg) fará sua estreia contra Yousry Mostafa, do Egito, na segunda-feira (16).

Ao todo, são 365 atletas de 78 países no Mundial masculino. Com exceção de Wanderson Oliveira, que já disputou o Mundial em 2017 e acabou derrotado na segunda rodada, todos os outros brasileiros disputam um Campeonato Mundial pela primeira vez.



Fale com a Redação

quatro × 1 =