O aproveitamento perfeito ruiu por terra. O Botafogo, em uma estratégia de jogo reativo, bateu o Atlético-MG, nesta quarta-feira, no Estádio Nilton Santos, pela 4ª rodada do Campeonato Brasileiro, por 2 a 1. Luiz Fernando e Caio Alexandre balançaram as redes para a equipe de General Severiano. Igor Rabello descontou para o Galo.

O Botafogo conquistou a primeira vitória no Campeonato Brasileiro e chegou aos 5 pontos, subindo para a sétima posição. O Alvinegro volta aos gramados no domingo, às 11h, para enfrentar o Flamengo, no Maracanã.

O Atlético-MG não é mais o líder do Brasileirão. Por conta da vitória do Internacional, o Galo caiu para o segundo lugar. O próximo compromisso dos comandados de Jorge Sampaoli será no sábado, às 19h, diante do próprio Colorado, no Beira-Rio.

BOTAFOGO 2 X 1 ATLÉTICO-MG

Estádio: Nilton Santos, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 19 de agosto de 2020, às 21h30
Árbitro: Flávio Rodrigues de Souza (SP), auxiliado por Neuza Inês Back (SP) e Alex Ang Ribeiro (SP)
VAR: João Ennio Sobral (RJ)
Gramado: Bom
Cartões amarelos: Barrandeguy e Danilo Barcelos (BOT)
Cartão vermelho: –

Gols: Luiz Fernando (27’/1ºT), Caio Alexandre (44’/2ºT) e Igor Rabello (51’/2ºT)

BOTAFOGO: Gatito Fernández; Barrandeguy (Fernando 37’/2ºT), Marcelo Benvenuto, Kanu, Danilo Barcelos; Luiz Fernando (Rhuan 28’/2ºT), Luiz Otávio (Caio Alexandre 1’/2ºT), Guilherme Santos, Luís Henrique (Bruno Nazário 22’/2ºT); Pedro Raul (Rafael Forster 1’/2ºT), Matheus Babi. Técnico: Paulo Autuori.

ATLÉTICO-MG: Rafael; Guga (Mariano 39’/2ºT), Igor Rabello, Junior Alonso, Guilherme Arana; Allan (Jair 39’/2ºT), Alan Franco (Savarino 10’/2ºT), Hyoran; Marquinhos (Maílton 39’/2ºT), Marrony (Bruno Silva 15’/2ºT), Keno. Técnico: Jorge Sampaoli.