Estão abertas as inscrições para o 1º Fórum de Proteção e Bem-Estar Animal de Cascavel. A ideia do evento, que ocorrerá dia 26 de agosto, é discutir alguns problemas enfrentados na região. “A falta de informação muitas vezes nos impede de agir. Nós sabemos que podemos resgatar animais, podemos fazer doação para ONGs de proteção a eles, participar de eventos que arrecadam fundos para esse fim, mas quando presenciamos maus-tratos, abandono, ou até mesmo o assassinato de muitos deles como foi registrado em Cascavel recentemente como devemos agir? Para quem ligar? Essas dúvidas é que devem ser discutidas. Até onde um protetor dos animais pode ir? E como cada um de nós pode ser um protetor de alguma forma”, explica o médico-veterinário e idealizador do evento, Marcelo Morato.

Palestrantes

O fórum vai contar com palestrantes de destaque nacional como Frank Alarcón, biólogo e co-fundador do Instituto Luisa Mell, que atua no resgate de animais feridos ou em situação de risco, auxilia na recuperação e encaminhamento á adoção.

Frank vai abordar os temas: utilização de animais para testes de produtos e maus-tratos.

A capacidade dos animais de sensações e sentimentos de forma consciente é o tema a ser abordado pela professora da UFPR (Universidade Federal do Paraná) e pós-doutora em bem-estar animal Carla Forte Maiolino Molento.

Os direitos dos animais serão tema da palestra do juiz federal Vicente de Paula Ataíde Júnior.

A importância do trabalho voluntário também será destacada na palestra do fotógrafo Edu Leporo, que comanda um projeto fotográfico de cães em todo o Brasil.

Conselho Municipal

A criação do Conselho Municipal de Bem-Estar Animal também será abordada no evento. “Existe muita gente que quer ajudar, mas que não tem um canal para fazê-lo. Com a criação de um conselho municipal, criaríamos uma referência com um número para o qual as pessoas podem ligar para tirar dúvidas e mesmo fazer denúncias sobre casos que presenciam. É preciso ter esse local até para orientar a população porque muitas vezes nem o poder público sabe como agir em alguns casos. Então queremos trazer profissionais da área, que vêm de grandes centros e já passaram pelo que nós estamos passando agora e que podem nos ajudar nesse sentido também. Precisamos criar políticas públicas que criem essa consciência já nas crianças, de cuidar e respeitar os animais e nosso foco agora é entender como Cascavel pode evoluir nesse sentido”, enfatiza o médico-veterinário e idealizador do evento, Marcelo Morato.

Saiba mais

O 1º Fórum de Proteção e Bem-Estar Animal de Cascavel é voltado a protetores de animais, voluntários de ONGs, acadêmicos e interessados em geral. As vagas são limitadas e as inscrições podem ser feitas no site www.sympla.com.br, buscando pelo nome do evento. O valor simbólico de R$ 15 cobrado na inscrição será revertido em ração para os animais da ONG Sou Amigo.