Cascavel – Nesta semana as equipes da Transitar implantaram mais uma rotatória em Cascavel. O dispositivo foi instalado no cruzamento das Ruas Pernambuco e Marechal Deodoro, no centro, com o objetivo de reduzir os índices de acidentes de trânsito. De acordo com a presidente da Transitar, Simoni Soares, a rotatória “é um dispositivo que serve tanto como um organizador de trânsito, quanto como um redutor de velocidade”.

Nos últimos meses, ao menos seis cruzamentos passaram a receber este tipo de sinalização. Ainda está na programação da autarquia à implantação de uma rotatória na Rua Maranhão, esquina com a Avenida Assunção. Simoni destacou que as rotatórias reduzem em média 80% o número de sinistros onde há o dispositivo.

Conforme um estudo realizado pela equipe técnica da Transitar, a média de velocidade na Avenida Assunção é de 80 km/h, ou seja, 20 km/h a mais do que a velocidade máxima permitida na via, que é 60 km/h. Na Avenida Rocha Pombo, na Região do Lago, também foi registrado desrespeito ao limite da via. Lá a equipe flagrou um condutor transitando a mais de 100 km/h, isso no período da tarde.

 

Multas

O excesso de velocidade tem liderado o ranking de multas, com média aproximada de 2 mil notificações mensais no trânsito de Cascavel. Em seguida estão o avanço de sinal vermelho ou de parada obrigatória, e estacionar em local irregular, infrações previstas nos artigos 208 e 181 do CTB (Código de Trânsito Brasileiro).

No primeiro semestre a Transitar arrecadou R$ 3.897.733,24 em multas previstas na legislação de trânsito. No acumulado de janeiro até agosto foram arrecadados R$ 5.669.938,71. Uma licitação que ainda está em andamento prevê até 170 faixas fiscalizadas em Cascavel, para dar mais segurança aos condutores e pedestres.

O grande número de infrações de excesso de velocidade e avanço de sinal vermelho são o retrato dos “problemas” da violência do trânsito, ou seja, o desrespeito às leis e normas de segurança sempre trazem consequências danosas à saúde e ao bolso do cidadão.

 

(Redação: Paulo Eduardo)