Segundo levantamento da Serasa Experian divulgado nessa sexta-feira (9), cerca de 974 mil de pessoas têm dívidas em atraso de até R$ 500 no Paraná. Em média, estas pessoas têm duas contas negativadas que somam este valor. Caso optem por regularizar sua situação financeira, cerca de 1,5 milhão de dívidas sairiam da base da Serasa no Estado, 4% da base total de quase 39 milhões no país.

Inadimplência bate recorde histórico no Brasil

Em junho de 2019, o número de inadimplentes no Brasil chegou a 63,4 milhões e registrou novo recorde histórico. No comparativo com o mesmo mês do ano passado que tinha 61,7 milhões, o crescimento foi de 2,5%. A inadimplência em Paraná atinge 3.041.641 pessoas.

Como consultar o CPF na Serasa:

Para fazer pessoalmente uma consulta gratuita de CPF no Serviço de Atendimento ao Consumidor da Serasa, o próprio interessado deve comparecer ao local, com o CPF e um documento com foto, ou nomear um representante com procuração específica e firma reconhecida em cartório.

A Serasa também disponibiliza a consulta gratuita de CPF pela internet. No site www.serasaconsumidor.com.br ou no aplicativo “SerasaConsumidor”, o cidadão pode checar se está negativado e qual o débito pendente que o levou à inadimplência (banco, cartão de crédito, financeira, varejo, prestadoras de serviços de telefonia, energia elétrica, água, além de ocorrências de títulos protestados, cheques sem fundos e ações judiciais). A autoconsulta completa de CPF pode ser feita a qualquer momento, mesmo que o devedor não tenha uma carta-comunicado de débito.

Há também a possibilidade de fazer a consulta de graça por meio de carta, sob a orientação do procedimento descrito no site: www.serasaconsumidor.com.br/consultar-meu-cpf.