H) Billboard Internas (320X50)
H) Billboard Internas (970x250)

COTIDIANO

Observatório gera economia de R$ 74 milhões aos cofres

10 de março de 2018 às 06:06
Publicidade

Marechal Cândido Rondon – Fundado por 24 entidades da sociedade civil organizada, em 22 de março de 2010, o Observatório Social (OBS) em Marechal Cândido Rondon comemora seu oitavo ano.

Composto por cidadãos de variados setores, o Observatório atua em frentes como educação fiscal, inserção de micros e pequenas empresas nos processos licitatórios, construção de indicadores da gestão pública e fiscalização de gastos públicos, para reduzir o desperdício de recursos.

Com sua atuação nesse período possibilitou a economia de R$ 23 milhões nos editais questionados e R$ 74 milhões aos cofres públicos com olhar atento para mais de 2 mil editais abertos, além de impactar mais de 10 mil estudantes com ações educacionais despertando o espírito de cidadania.

Em comemoração à data, será realizada a palestra “Compliance na Prática: Primeiros Passos para Adequar-se à Nova Realidade dos Negócios”, com a sócia da empresa Veritaz Gestão de Riscos & Compliance, Letícia Sugai, na quinta-feira, dia 22.

A palestra, na Faculdade Isepe, às 19h30, aborda questões ligadas à integridade e ao combate à corrupção em todas as atividades da empresa, inclusive na participação em licitações quando muitas oferecem propostas indevidas.

“Com tantos escândalos de corrupção que temos visto acontecer, as leis que regulamentam a participação em licitações, por exemplo, estão cada vez mais rígidas cobrando das empresas medidas de combate à corrupção, um código ético de conduta. Da mesma forma, é feito uma análise de riscos do que pode trazer prejuízos e implantadas metodologias para combater esse tipo de conduta”, explica a coordenadora da entidade em Marechal, Cristina Lizzoni.

Cristina explica que o objetivo é fazer as empresas pensarem que se há corrupção em órgãos públicos é porque existem dois lados, o corrupto e o corruptor. “O que esperar do órgão público se a empresa já vai com propostas tentando comprar servidores, secretários e prefeitos? Em municípios menores ainda não está sendo obrigatório provar práticas de prevenção à corrupção dentro das empresas, mas órgãos federais sim. Por isso, é uma oportunidade das empresas da cidade perceberam que pode ocorrer essa exigência e, então, se prepararem para quais medidas devem adotar para combater a corrupção”, pontua.

Relatório

Na mesma ocasião, ainda será apresentado o 23° Relatório Quadrimestral para prestação de contas das atividades do OBS. “O relatório é apresentado a cada quatro meses como um feedback do trabalho para a comunidade, mantenedoras, apoiadores e público em geral, já que no intervalo desses quatro meses trabalhamos ‘silenciosamente’. A nossa metodologia não é sair ‘caçando bruxas’, adotando uma postura denuncista e de perseguição aos políticos, mas queremos que ocorra a correta aplicação dos recursos públicos vindos dos impostos que todo cidadão contribui para arrecadação”, conclui.

As inscrições para a palestra gratuita devem ser feitas pelo telefone (45) 3254-9006. As vagas são limitadas.

Participe do nosso grupo no WhatsApp

PUBLICIDADE

I) Internas lateral Desktop (300x600) - Revisado

PUBLICIDADE

K) Rodapé Internas (728x90) Desktop