COTIDIANO

“Juntos Salvamos Vidas”: Maio Amarelo 2022 orienta mais de 4 mil pessoas com 51 ações em Cascavel

31 de maio de 2022 às 10:01
Publicidade

“O balanço é positivo, pois conseguimos amarelar a cidade e levar ações de forma direta a 3.666 pessoas, além de todas aquelas que receberam as informações por meio dos veículos de comunicação de Cascavel, que são multiplicadores da mensagem de conscientização para um trânsito menos violento, que é o objetivo do Movimento Maio Amarelo, que há nove anos em todo o mundo intensifica neste mês as campanhas de orientação e prevenção para a segurança viária”.

A avaliação é da coordenadora do Cotrans (Comitê Intersetorial de Prevenção de Acidentes de Trânsito de Cascavel)/PVT (Programa Vida no Trânsito), Luciane de Moura, que também responde pelo Setor de Educação e Cidadania da Transitar, Autarquia que junto com os demais órgãos promoveu atividades com pessoas de todas idades durante esse mês de maio.

Foram palestras presenciais – após dois anos de pandemia com atividades restritas ao ambiente virtual – em escolas, empresas, universidades em vias urbanas e rodovias realizadas também pela PRF, PRE, PM, Corpo de Bombeiros, Samu, 7ª Ciretran, 10ª Regional de Saúde, Secretaria Municipal de Saúde, Sest/Senat, Escola Pública de Trânsito do DER, Secretaria de Educação, OAB, HUOP, IPC, com parceria de mais de 70 apoiadores.

“A união de todos os órgãos confirmou o tema do movimento deste ano, “Juntos Salvamos Vidas”. Todos os órgãos trabalharam unidos para chamar à responsabilidade de todos os que estão no trânsito, para que possamos, unidos, transformar a realidade, que é objetivo do nosso trabalho”, destaca a presidente da Transitar, Simoni Soares.

Por zero morte na via

Até este 31 de maio, Cascavel registrou quatro mortes no perímetro urbano, representando uma redução de mais de 55% em relação ao mesmo período do ano passado. A meta e a missão de todos os órgãos que trabalham com o trânsito é zero morte na via, por isso os trabalhos e as ações continuam.

“É um trabalho incansável e conjunto para que ninguém precise chorar a perda de um familiar, um filho, um pai ou mãe de família ou um grande amigo; e também para que ninguém precise perder uma parte de si no trânsito, ficando sequelado, com traumas para o resto da vida”, complementa Luciane.

Ações seguem nesta terça (31) para o Território Cidadão

O Maio Amarelo termina, mas a missão continua. Como as ações educativas da Transitar são permanentes, o ano todo, o setor de Educação e Cidadania da Transitar dá continuidade ao cronograma de atividades de conscientização no trânsito já a partir desta terça-feira (31) com atendimento no Território Cidadão 7, no Bairro Floresta. No local foi montada a estrutura da Escola de Trânsito para atendimento da população que participará das ações.

Para hoje (31) está prevista, das 11h30 às 12h30, atividades em via pública próximo ao território, com Direção Segura na Avenida Papagaios x Rua Condor. A ação será adiada em caso de chuva.

Nos dias 1 e 2, durante o dia todo, haverá atividade do Projeto Rua Segura na Escola Prof. Dulce – Caic I, além de palestra das 8h30 às 9h30 com estudantes do IFPR. Também no dia 2, está programada palestra com motoristas da Mundial Telecom.

Na sexta-feira (3), o Rua Segura será realizado na Escola Professor  Francisco Lima.

Secom

Participe do nosso grupo no WhatsApp

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE